A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 22 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


10/03/2015 06:00

Mais um da equipe de André integrará gestão Dilma

Edivaldo Bitencourt

Mais um – Além do ex-deputado federal e ex-secretário estadual de Obras, Edson Giroto, mais um integrante da equipe de André Puccinelli (PMDB) vai para o Ministério dos Transportes. Maria Wilma Casanova Rosa, que foi presidente da Agesul, será nomeada para auxiliar o republicano na pasta em Brasília.

Bem cotados – O Governo Dilma Rousseff (PT) contemplou três integrantes do primeiro escalão peemedebista. O terceiro nome é da ex-secretária estadual de Assistência Social, Tânia Garib, que vai assumir a parte social no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Água – O ex-deputado federal Antonio Carlos Biffi (PT) defende a articulação política visando as próximas eleições. Na sua avaliação, o PT não pode ficar atrás do PMDB. “Boi lerdo bebe água suja”, filosofou o petista.

Novos – O senador Delcídio do Amaral (PT) propõe o lançamento de nomes novos para disputar a prefeitura de Campo Grande. Ele apontou o presidente da Cassems, o médico Ricardo Ayache, e o deputado estadual Pedro Kemp como bons nomes para serem candidatos a sucessão de Gilmar Olarte em 2016.

Democráticas, mas – Delcídio avalia que não dá para dar a dimensão da manifestação pela cassação da presidente Dilma no próximo domingo, dia 15. Apesar de frisar que a manifestação é democrática e válida, o senador é contra o impeachment da presidente. “Não existe razão”, alegou.

Solução – Durante entrevista coletiva, Delcídio do Amaral defendeu um pacto institucional entre o Governo federal, partidos políticos e a sociedade civil. Ele prevê anos difíceis para a economia brasileira. “Não se resolve economia sem antes fazer política”, destacou.

Apoio – A Força Sindical foi buscar o apoio do prefeito Gilmar Olarte (PP) para a festa do trabalhador, que vai sortear veículos e promover show no dia 1º de maio deste ano. O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) já recebeu os organizadores e manifestou apoio ao evento.

Magoou – O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB), ficou inconsolável com a exclusão do senador Delcídio do Amaral da lista da Operação Lava Jato. Ontem, o peemedebista deu entrevistas para lamentar o arquivamento da denúncia contra o senador sul-mato-grossense.

In loco – A Câmara Municipal de Campo Grande realiza nesta terça-feira (10), sessão itinerante na antiga estação rodoviária. Os vereadores vão ter a chance de conferir pessoalmente o abandono, a depredação e a tristeza que tomam conta do terminal.

Chique – O grupo que organiza o protesto contra Dilma, no domingo, contratou até uma assessoria de imprensa. Denominado de Chega de Impostos, a organização quer bater duro nas medidas que elevam a tributação das empresas e, ao mesmo tempo, pedir o afastamento da petista da presidência.

(colaboraram Leonardo Rocha e Juliene Katayama)

Crise da JBS rouba atenção de Temer
Foco na JBS - No Governo do Estado, a vinda do presidente Temer a Mato Grosso não teve a mobilização típica de visitas anteriores de presidentes. Na ...
Temer oscilou sobre decisão de vir para agenda em MS
Às pressas – A vinda do presidente Michel Temer para Mato Grosso do Sul neste sábado foi confirmada em cima da hora. A coluna apurou que tudo indicav...
Detran de MS avalia adesão a parcelar multa no cartão
Ainda não sabemos – O Detran de Mato Grosso do Sul avalia se vai fazer convênios que permitam parcelamento de multas no cartão de crédito. A autoriza...
Delcídio foi "fantasma" em sessão que manteve Aécio
Lembrado – O ex-senador e ex-petista Delcídio do Amaral está longe do Senado desde maio de 2016, quando foi cassado, mas nesta terça-feira foi bastan...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions