A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 16 de Agosto de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


17/08/2017 06:00

Marquinhos e Reinaldo em clima de sintonia

Marta Ferreira

Paz e amor– A solenidade de entrega da rotatória da Mato Grosso com a Via Parque teve tom de harmonia nos discursos do governador Reinaldo Azambuja e do prefeito Marquinhos Trad. Além de dizer que tem trânsito livre no governo, situação diferente de administrações anteriores, o prefeito elogiou sua equipe e a do governo. “São pessoas competentes ao nosso lado”.

‘Parceiros’ – Marquinhos destacou as mulheres que estão no cargo de vice, Rose Modesto e Adriane Lopes. Citou também que o chefe do Executivo estadual tem deputados, enquanto ele, vereadores que "pensam igual em prol de Campo Grande."

Perdidos – O cerimonial há havia iniciado a solenidade, mas as autoridades tiveram dificuldade em chegar até a área destinada para eles. Teve secretário que não estava entendendo para onde deveria ir, enquanto o próprio prefeito estava em outro lugar.

Abençoada – O discurso do governador foi acompanhado de chuva, o que não foi motivo de reclamação de Reinaldo Azambuja. Ao contrário. Ele brincou dizendo que aguaceiro pode não ser bem vindo para secretários de obras, mas é bom e necessário para outros segmentos, entre eles a agricultura, sua ocupação de origem.

Não vamos falar disso– Já o prefeito não gostou de tanta insistência sobre o valor da obra, divulgado inúmeras vezes. A cada pergunta do tipo, dizia que o importante era a intervenção, que promete melhorar o trânsito na região. O valor foi de R$ 1,6 milhão, vindos do governo do Estado, e que estavam parados há quase 2 anos.

Mais uma mudança - O deputado Lídio Lopes (PEN) contou que seu partido pode entrar na onda das mudanças de nome, para receber Jair Bolsonaro, se transformando em "Patriota". Ele explicou que a intenção da legenda é abrir mais espaço de atuação, pois antes era tido como o partido ecológico nacional. 

Convite - Os integrantes da CPI da JBS brincaram com Eduardo Rocha (PMDB), sobre a possibilidade da sua esposa, a senadora Simone Tebet (PMDB), participar de reunião prevista com o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, desafeto do presidente Michel Temer, principal liderança peemedebista. "Ela com certeza estará lá, pode deixar que convido pessoalmente, não vai ter problemas" disse o deputado.

Provocação – Rocha aproveitou a situação para dar uma cutucada na bancada do PT. “Se fosse a senadora Gleisi Hoffmann, não teria certeza da sua participação”. Gleise foi uma das principais defensoras da ex-presidente Dilma Rousseff, substituída por Temer.

Alternativas - Vice-presidente da CPI da JBS, Eduardo Rocha ponderou que se não estiver previsto no acordo de leniência da JBS os ressarcimentos aos estados, o caminho vai ser fazer um novo acordo com Mato Grosso do Sul, em caso de comprovação das irregularidades já apontadas nos termos que garantiram incentivo fiscal à empresa. 

Festa - Motivo de notícia ruim tempo todo, a Santa Casa de Campo Grande tem comemoração nesta sexta-feira (18)  do aniversário de 100 anos. Para a festa, foram convidadas autoridades nacionais, entre elas o ministro da Saúde, Ricardo Barros, e o presidente da Confederação das Santas Casas de Misericórdia, Hospitais e Entidades Filantrópicas, Edson Rogatt.

(Com Leonardo Rocha, Mayara Bueno e Richelieu de Carlo)

Senador critica "descaso" com Paraguai
Vizinho desprestigiado – O ministro Carlos Marun, da Secretaria de Governo, e o senador Pedro Chaves (PRB/MS) foram os dois únicos representantes de ...
Campanha tucana atrai 75% dos prefeitos
Apoio – Enquanto o MDB, antigo aliado histórico do PSDB, patinou para fechar sua candidatura do governo do Estado, os tucanos contabilizam adesões. N...
Dois anos após "febre", Uber perde motoristas
Debandada – Quase dois anos depois de chegar a Campo Grande, e depois de muita polêmica, a plataforma de transporte por aplicativo mais conhecida, a ...
Cristhiano Luna é o nosso Lula
Livre - Um dos crimes de maior repercussão em Campo Grande teve novo capítulo na semana passada. O STF concedeu liminar e soltou Cristhiano Luna, ass...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions