A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


29/07/2016 06:00

Números da taxa de iluminação pública ficam na escuridão

Waldemar Gonçalves

Cadê os números? – Ao questionar na Justiça a suspensão da taxa de iluminação pública, a Prefeitura de Campo Grande não apresentou qualquer balanço referente à arrecadação ou projeto para usar o dinheiro. Os únicos números na petição constam em reportagens do Campo Grande News, referente ao assunto, anexados a ela.

Luz fraca – A falta de transparência dos números da Cosip é vista por vereadores como um dos principais pontos fracos da argumentação da Prefeitura. Sem conseguir explicar quanto arrecada e como gasta esta arrecadação, ficará difícil retomar a cobrança, dizem parlamentares.

Lula ponto com Dilma – Com Dilma Rousseff (PT) às vésperas do que pode ser o fim definitivo de uma sequência de mandatos petistas na Presidência da República de 2003 para cá, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva lançou um novo site ontem. “Criamos este site para reforçar a luta pela democracia e pelo estado de direito neste grave momento em que o País está vivendo”, diz Lula.

Petistas ponto com Lula – O lançamento, anunciado por vídeo postado no perfil de Lula no Facebook, foi prontamente compartilhado pelo deputado federal José Orcírio, o Zeca do PT, e o vereador Marcos Alex. “Vamos falar das conquistas do povo no nosso governo, para defendê-las, porque estão ameaçadas e não podemos voltar atrás”, emenda o líder máximo dos petistas ao falar do Lula.com.br.

Ativo no Face – O prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), anda afastado das agendas públicas. De olho na reeleição, não quer se arriscar a ter problemas com a lei eleitoral ainda antes da largada oficial da campanha. No Facebook, no entanto, mostra-se bastante ativo.

Homem do asfalto – Ontem, por exemplo, Bernal postou foto da Avenida Capital, recentemente recapeada. E disparou contra adversários: “mesmo com as perseguições, boicotes e tentativas de atrapalhar sua administração, ele já está completando 5 avenidas recapeadas: Bandeiras, Spipe Calarge, Guaicurus (foi ele quem licitou), Capital e Hiroshima (obras em andamento) ao custo de menos de R$ 10 milhões”.

Concurso na Câmara – A Justiça autorizou acordo em que a Câmara Municipal de Campo Grande se compromete a demitir funcionários comissionados e a fazer concurso público para substituir parte dos desligamentos. A decisão saiu nesta semana.

Processo extinto – Antes disso, o Ministério Público Estadual processou a casa leis, por ela manter mais de 90% de servidores comissionados, aqueles que entram no Poder Público sem concurso, quando deve ser o contrário. Para evitar briga judicial, as partes firmaram o acordo, cuja validade dependia de homologação. Com isso, a ação foi extinta.

Cortando a chapa – O PMDB vai lançar menos vereadores do que poderia, tendo 32 dos 44 candidatos possíveis. Outros partidos, como PTB e PP, já vivem situação contrária e terão de cortar nomes até as convenções partidárias.

Esquerda para que lado? – Depois do fim da frente de esquerda, cada partido vai para um lado. PDT segue para os tucanos, enquanto que o PT pode seguir sozinho. Já o PC do B mantém conversa com o PP de Bernal. Definições apenas no dia 5 de agosto, data limite para as convenções.

(com Leonardo Rocha, Anahi Zurutuza, Mayara Bueno e Michel Faustino)

Temer oscilou sobre decisão de vir para agenda em MS
Às pressas – A vinda do presidente Michel Temer para Mato Grosso do Sul neste sábado foi confirmada em cima da hora. A coluna apurou que tudo indicav...
Detran de MS avalia adesão a parcelar multa no cartão
Ainda não sabemos – O Detran de Mato Grosso do Sul avalia se vai fazer convênios que permitam parcelamento de multas no cartão de crédito. A autoriza...
Delcídio foi "fantasma" em sessão que manteve Aécio
Lembrado – O ex-senador e ex-petista Delcídio do Amaral está longe do Senado desde maio de 2016, quando foi cassado, mas nesta terça-feira foi bastan...
"Nem a pau", diz Correa sobre desistir de ação contra JBS
Negativo - “Nem a pau”. Essa foi a reação do presidente da CPI da JBS, Paulo Correa (PR), à cogitação de retirar a ação contra a empresa, para preser...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions