A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


12/07/2014 07:00

O oficial e a casa de Bernal

Edivaldo Bitencourt

Retomada – O governador André Puccinelli (PMDB) decidiu reassumir a obra do contorno ferroviário de Três Lagoas. O objetivo é garantir a conclusão da obra, que estava emperrada por causa da burocracia no Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte.

Santa de casa – A obra do contorno é um sonho antigo dos moradores de Três Lagoas. A conclusão é defendida pela vice-governadora e candidata ao Senado, Simone Tebet (PMDB). Ela já foi prefeita da cidade e tinha a retirada dos trens do perímetro urbano como uma das prioridades.

Em local incerto – A Justiça não conseguiu localizar o ex-prefeito Alcides Bernal (PP). O oficial de Justiça precisa notificá-lo da ação civil pública que pede a sua condenação por não cumprir a Lei do Acesso à Informação. O processo tramita desde 19 de março deste ano na 1ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos.

Vazia – O oficial de Justiça informou ao juiz que Bernal mudou-se da casa no Jardim Paulista. Ele adquiriu o apartamento atrás do Shopping Campo Grande. Na antiga residência, vizinhos comentaram que ele não é visto no local há vários meses.

Fronteira indefesa – O deputado estadual Márcio Monteiro (PSDB) cobrou investimentos e mais ações na fronteira. Na avaliação do tucano, o ataque de caixas eletrônicos em Aral Moreira, Bela Vista e Corumbá mostra que os bandidos estão agindo livremente na região.

Não tem jeito – O senador Delcídio do Amaral (PT) afirmou que vai ser muito difícil ganhar da Argentina neste domingo. Mas, na avaliação do candidato, o problema não é o meia atacante Messi, eleito melhor do mundo em quatro ocasiões. Ele disse que a dificuldade será vencer o time do Papa Francisco.

Dia triste – Nenhum candidato ou político foi ao Facebook para se manifestar ou dar palpite sobre o resultado do jogo do Brasil e Holanda pela Copa do Mundo. A partida vai passar em branco para a maior parte dos políticos do Estado.

E a vida não para – Campo Grande não vai parar para ver o jogo da seleção brasileira neste sábado. A torcida entrou no espírito melancólico da seleção e não se empolgou com um terceiro lugar na Copa do Mundo. No entanto, após o vexame de perder de 7 a 1 para a Alemanha, há muito torcedor temendo outra surra neste sábado.

Sem quórum – Os deputados estaduais já estão em ritmo de campanha. Na quinta-feira, dos 15 que assinaram a lista de presença, apenas quatro ficaram no plenário até o final. A expectativa é que a situação melhore com a redução no número de sessões, de três para dois, e a antecipação do início para segunda-feira.

Agenda – O prefeito Gilmar Olarte anunciou e confirmou, mas não compareceu ao evento na Câmara Municipal ontem de manhã. Ele vetou a lei que equiparava o valor dos plantões pagos aos dentistas ao dos médicos. Os vereadores derrubaram o veto e a lei foi promulgada pelo presidente do legislativo, Mario Cesar Oliveira (PMDB).

(colaborou Ludyney Moura)

Crise da JBS rouba atenção de Temer
Foco na JBS - No Governo do Estado, a vinda do presidente Temer a Mato Grosso não teve a mobilização típica de visitas anteriores de presidentes. Na ...
Temer oscilou sobre decisão de vir para agenda em MS
Às pressas – A vinda do presidente Michel Temer para Mato Grosso do Sul neste sábado foi confirmada em cima da hora. A coluna apurou que tudo indicav...
Detran de MS avalia adesão a parcelar multa no cartão
Ainda não sabemos – O Detran de Mato Grosso do Sul avalia se vai fazer convênios que permitam parcelamento de multas no cartão de crédito. A autoriza...
Delcídio foi "fantasma" em sessão que manteve Aécio
Lembrado – O ex-senador e ex-petista Delcídio do Amaral está longe do Senado desde maio de 2016, quando foi cassado, mas nesta terça-feira foi bastan...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions