ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SEXTA  14    CAMPO GRANDE 33º

Jogo Aberto

Paula Fernandes e as fotos

Por Jogo Aberto | 14/05/2012 06:00

Aliado

O DEM pode confirmar, após reunião entre as executivas nesta segunda-feira, apoio à candidatura do deputado federal Edson Giroto (PMDB) à Prefeitura de Campo Grande.

Lados

Dentro do partido, o deputado federal Luiz Henrique Mandetta e o vereador Airton Saraiva já sinalizaram maior proximidade com os peemedebistas, enquanto o deputado Zé Teixeira defende apoio ao deputado federal Reinaldo Azambuja, do PSDB.

Porque

Em defesa do apoio a Giroto, Saraiva argumenta que está em discussão a eleição municipal e que os interesses de aliança devam atender as candidaturas dos vereadores. Teixeira e Mandetta também estão pensando no futuro mais distante, nas eleições de 2014, que envolverão os cargos que ocupam.

Cuidado

As relíquias de São Sebastião, padroeiro dos militares, chegam a Campo Grande no dia 26 de maio, vindas do Rio de Janeiro. Vai ser a primeira vez que elas deixam o Rio e, por isso, a preocupação com a segurança é grande. Um esquema de proteção, com direito a escolta militar, está sendo montado.

Medo

São Sebastião é o padroeiro do Rio de Janeiro e existe um temor, inclusive, de tentativas de "sequestrar" a imagem por parte do crime organizado.

Programação

As relíquias, na verdade um pedaço de uma das mãos do santo, vão ficar abertas a visitação em Campo Grande e também serão realizadas celebrações, uma delas para os militares.

Marcas de pneu formando um círculo evidenciam que praça foi palco de manobras radicais. (Foto: Samuel Echeverria)
Marcas de pneu formando um círculo evidenciam que praça foi palco de manobras radicais. (Foto: Samuel Echeverria)

Abuso

O gramado da Praça do Papa amanheceu neste domingo com marcas redondas características de manobras conhecidas como "zerinho", aquelas tão apreciadas pelos que gostam de fazer disputas nas ruas.

Quem cuida?

Não só a audácia de quem deixou as marcas chama a atenção. Tudo aconteceu bem perto de uma guarita de segurança. Só não foi possível saber se havia alguém lá, ou não.

Sem ar

A curta entrevista que a cantora Paula Fernandes deu para a imprensa local no sábado foi um típico exemplo do quanto o sucesso produz uma blindagem tão forte desses artistas que eles parecem tudo, menos gente como a gente. A mineira parecia não respirar, não só pelo corpete justíssimo, mas também pelo exagero dos assessores.

Xis

Um deles chegou a interromper a conversa com os poucos jornalistas que estavam no local para vetar fotos em situação natural. A artista, então, foi "convidada" a fazer pose, sorrindo para a câmera.