A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 24 de Maio de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


24/05/2014 07:00

PF fica sem farda na Copa

Edivaldo Bitencourt

Sem farda – Policiais federais de Mato Grosso do Sul que vão reforçar a segurança na Copa do Mundo em Curitiba e Cuiabá não vão ter direito a farda nova. Segundo o presidente do sindicato, Jorge Caldas, eles vão ser obrigados a colocar a mão no bolso para comprar um terno novo.

Mão de vaca – A Fifa vai pagar fardamento novo apenas para os integrantes das Forças Armadas. A revolta dos policiais federais é que todos vão receber para trabalhar, mas apenas os militares terão uniforme novo.

Guerra – O ministro Admar Gonzaga Neto, do Tribunal Superior Eleitoral, prevê que a liberdade de expressão será plena no Facebook. Se por um lado todo mundo poderá falar o que quiser, ele alertou que a guerra suja, com ofensas e calúnias, será maior na rede social neste ano.

Experiência - O prefeito Gilmar Olarte (PP) não perdeu tempo e foi ouvir a voz da experiência ontem. Jovem, ele foi ouvir uns conselhos do ex-governador Pedro Pedrossian, que governou o Estado por duas vezes e ficou famoso pelas obras emblemáticas e monumentais.

Irritação – O governador André Puccinelli (PMDB) não escondeu, ontem, a irritação com o desfalque da segurança pública com a realização da Copa do Mundo no Brasil. Ele disse que só vai mandar policiais militares porque não tem como negar. “Será o mínimo possível”, reforçou o peemedebista

Licença – Puccinelli voltou a destacar a lealdade a fada madrinha, como se refere carinhosamente à presidente da República, Dilma Rousseff (PT). Ele disse que se o PMDB nacional romper com o PT, vai se licenciar para fazer campanha para a petista no Estado.

Democracia – O governador também defendeu a liberdade de quem quiser apoiar a candidatura de Eduardo Campos para presidente. Ele disse que Nelsinho Trad (PMDB), pré-candidato a governador, tem liberdade para fazer campanha para o socialista, já que a sigla deve indicar o candidato a vice-governador na sua chapa.

PR – O Partido da República deve decidir no início da próxima semana se fecha com o PT ou o PMDB. Uma das hipóteses é indicar o candidato a vice-governador na chapa de Delcídio do Amaral (PT). No entanto, o governador garante que os republicanos fecham com o PMDB.

Desfalque – A segurança em Mato Grosso do Sul durante a Copa do Mundo terá desfalque em toda as forças, que incluem desde policiais civis, militares, policiais rodoviários federais e federais e militares do Exército.

Vaga – A Secretaria Municipal da Mulher continua vaga dois meses após a posse do prefeito Gilmar Olarte (PP). Com a efetivação de João Borges na Semadur, só uma pasta continua sem titular no município. O cargo cabe ao PMDB, mas não houve acordo sobre a mulher que vai ocupar o posto.

(colaboraram Kleber Clajus e Lidiane Kober)

Gaeco tem suspeita de vazamento
Desconfiança – O Gaeco (Grupo de Atuação de Combate ao Crime Organizado), responsável pela investigação que aponta envolvimento de policiais militare...
DEM e a disputa entre André e Reinaldo
Já escolhi - Sobre a declaração de Puccinelli que estaria "namorando" o DEM, o deputado Zé Teixeira fez brincadeira para dizer de qual lado da disput...
Maioria prefere Lava Jato à Copa do Mundo
Copa? – Pesquisa do Instituto Paraná mostra que, a menos de um mês do Mundial da Rússia, o brasileiro não está muito motivado com o assunto. A consul...
Ex-ministro não errou o “do Sul”, mas...
Gafe - O ex-ministro Henrique Meireles (MDB) em um dos diversos discursos no evento em Campo Grande neste sábado (19) confundiu Mato Grosso do Sul co...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions