ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, QUARTA  21    CAMPO GRANDE 21º

Jogo Aberto

Poema para justificar a Justiça lerda

Por . | 04/07/2013 06:07

Longe - Depois de várias notas no Jogo Aberto, o vice-prefeito Gilmar Olarte pediu uma trégua, disse que nunca investigou o prefeito Alcides Bernal e que está até fora do Estado, “quietinho” e “nem um pouco preocupado”.

Perdeu o bonde - Sobre nota da coluna de terça-feira, disse que só questionaria professores sobre a qualidade da merenda se “estivesse muito atrasado”, já que o assunto é dito há tempos pela imprensa.

Humilde - Para justificar a ausência, Olarte lembra que sempre disse ser um “reserva de luxo” e, ainda por cima, “super preparado”, pronto para entrar em campo se isso for solicitado pelo prefeito.

Pancada - Terminou em barraco a manifestação de farmacêuticos ontem em Campo Grande. O farmacêutico Lucas Marques Pereira de Rezende levou um soco na boca e foi a delegacia registrar boletim de ocorrência contra o presidente do sindicato dos proprietários de farmácia, Roberto Martins Rosa.

Poema para justificar a Justiça lerda

Exclusivo mesmo - Placa na entrada do terminal Hercules Maymone, na Joaquim Murtinho, virou motivo de chacota. O aviso é para lá de redundante, diz: "Entrada exclusiva somente para ônibus"

Rápido - A OAB/MS comemora o fato de nos 6 primeiros meses deste anos ter contornado 74% das reclamações feitas ao SOS Morosidade, serviço criado para cobrar mais agilidade no Judiciária no andamento dos processos.

Para todos - Segundo a entidade, das 184 notificações, 137 foram resolvidas. O serviço é gratuito e pode ser acessado por qualquer pessoa que se sinta prejudicada pela morosidade da justiça sul-mato-grossense pelo site www.oabms.org.br ou pelo telefone 9987-9231.

Encontro - Pressionado pela "voz das ruas" e com pedido de plebiscito pelo Governo Federal, o TSE reuniu todos os presidentes dos Tribunais Regionais Eleitorais para discutir a consulta popular e pediu prazo de 70 dias para organizar o processo.

Poetas - Para justificar tanto tempo, por necessidade de "cuidado" na preparação e respeito ao "sonho de democracia brasileiro", a ata da reunião termina com uma poesia de Carlos Drummond de Andrade. "Cuidado por onde andas, pois é sobre meus sonhos que caminha."

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário