A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


04/07/2013 06:07

Poema para justificar a Justiça lerda

.

Longe - Depois de várias notas no Jogo Aberto, o vice-prefeito Gilmar Olarte pediu uma trégua, disse que nunca investigou o prefeito Alcides Bernal e que está até fora do Estado, “quietinho” e “nem um pouco preocupado”.

Perdeu o bonde - Sobre nota da coluna de terça-feira, disse que só questionaria professores sobre a qualidade da merenda se “estivesse muito atrasado”, já que o assunto é dito há tempos pela imprensa.

Humilde - Para justificar a ausência, Olarte lembra que sempre disse ser um “reserva de luxo” e, ainda por cima, “super preparado”, pronto para entrar em campo se isso for solicitado pelo prefeito.

Pancada - Terminou em barraco a manifestação de farmacêuticos ontem em Campo Grande. O farmacêutico Lucas Marques Pereira de Rezende levou um soco na boca e foi a delegacia registrar boletim de ocorrência contra o presidente do sindicato dos proprietários de farmácia, Roberto Martins Rosa.

Poema para justificar a Justiça lerda

Exclusivo mesmo - Placa na entrada do terminal Hercules Maymone, na Joaquim Murtinho, virou motivo de chacota. O aviso é para lá de redundante, diz: "Entrada exclusiva somente para ônibus"

Rápido - A OAB/MS comemora o fato de nos 6 primeiros meses deste anos ter contornado 74% das reclamações feitas ao SOS Morosidade, serviço criado para cobrar mais agilidade no Judiciária no andamento dos processos.

Para todos - Segundo a entidade, das 184 notificações, 137 foram resolvidas. O serviço é gratuito e pode ser acessado por qualquer pessoa que se sinta prejudicada pela morosidade da justiça sul-mato-grossense pelo site www.oabms.org.br ou pelo telefone 9987-9231.

Encontro - Pressionado pela "voz das ruas" e com pedido de plebiscito pelo Governo Federal, o TSE reuniu todos os presidentes dos Tribunais Regionais Eleitorais para discutir a consulta popular e pediu prazo de 70 dias para organizar o processo.

Poetas - Para justificar tanto tempo, por necessidade de "cuidado" na preparação e respeito ao "sonho de democracia brasileiro", a ata da reunião termina com uma poesia de Carlos Drummond de Andrade. "Cuidado por onde andas, pois é sobre meus sonhos que caminha."

A missão espinhosa de Marun
Casa cheia - No discurso em que saudou Carlos Marun como seu novo ministro da Secretaria de Governo, Michel Temer disse ter ficado preocupado com a p...
Só praças estão presos por cobrar propina
Só praças – A investigação sobre o envolvimento de policiais militares com a “Máfia do Cigarro” indica que, por ora, não há oficiais entre os policia...
Pezão pede dica a Reinaldo sobre dívida
Pedido de ajuda - Ao anunciar ontem o depósito do décimo-terceiro salário dos servidores, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) reforçou o discurso d...
Após "perder" cargo, deputado muda o tom
Mudou – Antes cotado para assumir uma secretaria do governo do Estado, o deputado Coronel David (PSC) está agindo ultimamente como oposição ao Govern...


A justiça só é lenta para liberar direitos de trabalhador, tanto na área pública quanto privada. Tenho uma causa que já ganhei no ano passado, é de 2001 e ainda não recebi. Passaram 12 anos, uma vida e podia até ter morrido. Um juiz no Ceará matou um cara no mercado, no outro dia pedia aposentadoria, que saiu antes da condenação. Talvez levou uns 11 meses para a conclusão e o recebimento da aposentadoria recheada. Por isso que temos de corrigir tudo.
 
luiz alves em 04/07/2013 07:34:33
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions