A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 23 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


08/11/2013 06:00

Sindicalista se oferece para ser vice de Delcídio

Edivaldo Bitencourt

Oferecido – O presidente da Fetems, Roberto Botarelli César, pediu uma reunião com o senador Delcídio do Amaral (PT), pré-candidato a governador em 2014, para se colocar como candidato a vice na chapa. O nome do sindicalista foi sugerido pelo ex-governador e vereador Zeca do PT.

Melhor pensar – Educado e saindo pela tangente, o senador petista fez rasgados elogios ao presidente da Fetems. No final das contas, Delcídio disse que não é o momento para definir o candidato a vice-governador. Ele quer ter o cargo para ampliar o arco de alianças para enfrentar o candidato do PMDB.

Generoso – Sindicalistas madrugaram, ontem, para serem ouvidos pelo governador André Puccinelli (PMDB), sobre o aumento na contribuição da Cassems. Sem alternativa, o peemedebista recebeu o grupo e ainda faturou. “Fui generoso, o único governador a recebe-los (na entrada da Governadoria)”, disse. E ainda citou que nem Marcelo Miranda nem Zeca foram capazes de repetir tal gesto.

Crachás – A direção do PT municipal decidiu apelar para “tornar o processo mais transparente. Todos os 3,9 mil eleitores aptos a votar domingo deverão estar com crachás. Com dinheiro sobrando em caixa, o partido decidiu confeccionar um crachá para cada eleitor.

Fraude – A bandeira da ética e lisura sempre foram duas bandeiras do PT. Agora, numa disputa acirrada, que envolve as duas principais lideranças da sigla, os petistas decidiram caprichar no combate à fraude e votaram pela imposição do crachá, algo inovador para uma disputa política.

Estruturando – O vereador Elizeu Dionizio foi a Brasília para acertar a estruturação do Solidariedade em Mato Grosso do Sul. Depois da fama como relator da CPI do Calote e alvo de duas ações judiciais do prefeito Alcides Bernal, ele deve ser candidato a deputado federal em 2014.

Rádio – A utilização do rádio pelo prefeito Alcides Bernal voltou a causar polêmica na Câmara Municipal. Apesar de não achar certo, o vereador Eduardo Romero (PTdoB) comentou que colegas do legislativo também recorrem a um programa de rádio ou televisão para continuar em alta junto ao eleitorado. Ele destacou que a Constituição não é clara sobre a legalidade da propaganda anual.

Descredenciando – O Instituto Municipal de Previdência de Campo Grande começou a descredenciar médicos e dentistas. Só odontólogos serão 28 profissionais para enxugar o quadro, incluindo-se pessoas que estavam na função há quase duas décadas.

“Importantes” leis – No afã de divulgar notícias positivas, a assessoria do prefeito Alcides Bernal apelou. No site da prefeitura, eles colocaram que foram sancionados importantes leis, incluindo-se entre as quais a que denomina uma rua e outra que dá nome para um Ceinf.

Renúncia – Continua forte o movimento pela renúncia do presidente da OAB/MS, Júlio Cesar de Souza. Aliados e ex-presidentes da entidade elevaram a pressão após o contrato, quase assinado, para prestar assessoria para o prefeito da Capital, Alcides Bernal.

(colaboraram Kleber Clajus e Zana Zaidan)

Crise da JBS rouba atenção de Temer
Foco na JBS - No Governo do Estado, a vinda do presidente Temer a Mato Grosso não teve a mobilização típica de visitas anteriores de presidentes. Na ...
Temer oscilou sobre decisão de vir para agenda em MS
Às pressas – A vinda do presidente Michel Temer para Mato Grosso do Sul neste sábado foi confirmada em cima da hora. A coluna apurou que tudo indicav...
Detran de MS avalia adesão a parcelar multa no cartão
Ainda não sabemos – O Detran de Mato Grosso do Sul avalia se vai fazer convênios que permitam parcelamento de multas no cartão de crédito. A autoriza...
Delcídio foi "fantasma" em sessão que manteve Aécio
Lembrado – O ex-senador e ex-petista Delcídio do Amaral está longe do Senado desde maio de 2016, quando foi cassado, mas nesta terça-feira foi bastan...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions