A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 22 de Maio de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


16/05/2012 06:00

Trocadilho infame

Jogo Aberto

Concorrência

O presidente da Assembleia Legislativa, Jerson Domingos (PMDB), interrompeu o discurso do presidente da Fetems (Federação de Trabalhadores da Educação de Mato Grosso do Sul), Roberto Botareli, na sessão de ontem, para dizer que o tempo tinha acabado. Na ocasião, Jerson brincou que Roberto estava gostando da tribuna e que daqui a dois anos teria uma nova eleição.

Experiência

Jerson também interrompeu o deputado Pedro Kemp (PT), dizendo que os 15 anos de convivência entre os dois na Casa o fazem perceber que o petista está cada vez mais adepto dos discursos.

Irmão mais velho

O deputado Londres Machado (PR) fica pouco tempo na Assembleia. Mas quando está, funciona como uma espécie de maestro. Durante a sessão é comum observar o deputado de mais de quarenta anos de Casa pedir para os colegas evitarem problemas.

Cobrança

O deputado já chegou a interromper entrevista que estava sendo concedida pelo pré-candidato do PT em Corumbá, Paulo Duarte, para dizer que o PR deve apoiá-lo no Município. Porém, advertiu o deputado, dizendo que ele não está demonstrando “boa vontade”.

Desconfiança

Alguns entusiastas da candidatura de Geraldo Resende (PMDB) em Dourados não gostaram da escolha de Marçal Filho (PMDB). Soma-se à indignação o fato de alegarem ter visto pesquisas que indicam a preferência por Geraldo e não por Marçal em Dourados.

Novo posto

O deputado Zé Teixeira (DEM) perguntou a George Takimoto (PSL) se ele acreditava na candidatura de Marçal em Dourados. Ao ouvir o sim do colega, Zé Teixeira disse que ele já podia “virar profeta”.

Ops

Um erro de digitação no Diário Oficial do Estado deu motivo para risos, ao acentuar a palavra coco, na publicação da abertura de uma licitação. Lá, está escrito que a Prefeitura de Campo Grande vai comprar "cocô ralado" para a Secretaria de Políticas Sociais.

Como na escola

Durante a reunião que discutiu o mercado frigorífico em Mato Grosso do Sul, enquanto o Hino Nacional estava sendo executado, um grupo de produtores estava mais preocupado com outra coisa. Eles faziam uma roda em torno do pipoqueiro que aproveitou a ocasião para lucrar.

Crescimento

Dono da Águas Guariroba, em Campo Grande, o grupo Equipav ganhou mais uma concorrência. Vai administrar também o saneamento em Piracicaba, no interior de São Paulo, por meio da Aegea, a holding que já é responsável pela Águas Guariroba. A Prolagos, a outra holding do grupo, é responsável pelo saneamento nas cidades de Cabo Frio, Búzios, São Pedro da Aldeia e Iguaba Grande e pelo abastecimento de água de Arraial do Cabo, no Rio de Janeiro

Planos

Se depender da vontade do grupo, a Águas Guariroba ganhará novas "irmãs". Os objetivos da Equipav para a Aegea são grandiosos. A projeção, de médio prazo, é investimento de R$ 1,5 bilhão, dos quais R$ 200 milhões serão voltados a aquisições.

Maioria prefere Lava Jato à Copa do Mundo
Copa? – Pesquisa do Instituto Paraná mostra que, a menos de um mês do Mundial da Rússia, o brasileiro não está muito motivado com o assunto. A consul...
Ex-ministro não errou o “do Sul”, mas...
Gafe - O ex-ministro Henrique Meireles (MDB) em um dos diversos discursos no evento em Campo Grande neste sábado (19) confundiu Mato Grosso do Sul co...
PMs presos têm “festival de ações”
Conhecidos da justiça - Entre as duas dezenas de policiais militares de Mato Grosso do Sul presos esta semana por suspeita de facilitar a vida dos co...
O entrave no cadastro de pedófilos
Entrave burocrático – Autor do projeto de lei que criou o cadastro de pedófilos em Mato Grosso do Sul, o ex-deputado estadual Carlos Alberto David, d...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions