A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 23 de Maio de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


28/06/2013 06:05

Vereador quer se livrar do terno e gravata

Ângela Kempfer

Terno e gravata - O vereador Chiquinho Teles (PSD) encaminhou para a mesa diretora da Câmara Municipal consulta sobre o motivo da obrigatoriedade de uso de terno e gravata nas sessões e aproveitou para perguntar formalmente qual a possibilidade de ficar livre do traje

Popular - Como justificativa, Chiquinho fala do clima quente e argumenta que, além de ser desconfortável, um estilo menos formal aproximaria mais os vereadores do povo. Também alega que a exigência não vale para secretários de Estado, por exemplo.

Paparazzi - O vereador Eduardo Romero (PTdoB) deve ter um assessor realmente dedicado. Incrível como sempre há alguém por perto para fotografar o estreante na Câmara em cenas no transporte coletivo. Ou é no ponto de ônibus, ou dentro dele, todos os dias há uma imagem nova do chefe a caminho do trabalho.

No interior - A CPI da Saúde, da Assembleia Legislativa, já anunciou que vai dedicar um capítulo do relatório final a Dourados, que vive um caos como nunca foi visto no setor. E, aviso aos navegantes: na segunda-feira, a CPI passa por Coxim

Mui amigo - O prefeito Alcides Bernal fez o discurso do amiguinho à Câmara Municipal. Ontem, sobre a mudança de presidente na casa, garantiu “sentimento de solidariedade”. Mas antes do ponto final, recomendou que “decisões da justiça sejam respeitadas”.

Na linha - Depois de muitas reclamações, inclusive, formais, a prefeitura resolveu respeitar a lei e passou a publicar o Diário Oficial antes que a manhã acabe. Mesmo assim, ainda não tem um horário certo, como nas administrações passadas.

Bravo - O ex-secretário de Saúde de Campo Grande, Luis Henrique Mandetta, anda com um discurso radical contra a contratação de médicos estrangeiros para atuarem no Brasil, onde há problemas de falta de profissional.

Manifestante - Revoltado com a ideia, o deputado federal sul-mato-grossenses deu uma sugestão durante discurso na Câmara Federal: “Os mortos que os médicos de Cuba produzirem devem ficar na porta do Palácio do Planalto.”

Perdeu - Tem cara de pau para tudo. na quarta-feira, um motorista estacionou o carro na vaga destinada a deficientes que fica na fachada da sede do Ministério da Saúde, em Campo Grande. É claro que quando o homem voltou, o veículo já havia sido guinchado.

 

DEM e a disputa entre André e Reinaldo
Já escolhi - Sobre a declaração de Puccinelli que estaria "namorando" o DEM, o deputado Zé Teixeira fez brincadeira para dizer de qual lado da disput...
Maioria prefere Lava Jato à Copa do Mundo
Copa? – Pesquisa do Instituto Paraná mostra que, a menos de um mês do Mundial da Rússia, o brasileiro não está muito motivado com o assunto. A consul...
Ex-ministro não errou o “do Sul”, mas...
Gafe - O ex-ministro Henrique Meireles (MDB) em um dos diversos discursos no evento em Campo Grande neste sábado (19) confundiu Mato Grosso do Sul co...
PMs presos têm “festival de ações”
Conhecidos da justiça - Entre as duas dezenas de policiais militares de Mato Grosso do Sul presos esta semana por suspeita de facilitar a vida dos co...


Assisti uma fala desse vereador Romero outro dia, ele me lembrou do Rolando Lero, passou uns vinte minutos falando e não disse coisa com coisa, estou desconfiado que ele é o nosso Justin Bieber pantaneiro, em qualquer lugar tem um fotógrafo atrás dele....
 
Augusto Leite em 28/06/2013 19:47:49
o cara nunca usou terno e gravata, só sabia manipular eleitores, daqui a pouco vai achar que a CAMARA é a continuidade da casa dele, vai querer trabalhar descalço, como sempre fez, sem camisa e por ai afora, brincadeiras, aproveita bem seu tempo pois acredito que não tera 2ª chance. um cara desse o que trara para CG.
 
vidal da silva em 28/06/2013 17:06:09
seria bom, na verdade seria ótimo. afinal se pararem de usar terno e gravata, param de receber o auxilio terno que é de um valor bem favorável. fazendo assim com que o dinheiro que hoje é investido em uma coisa até então "desnecessária" (segundo o tal vereador), seja investido em saúde publica e educação. Parabéns ao então vereador.
 
claudio ygor miranda em 28/06/2013 09:03:42
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions