A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


08/07/2014 06:00

Vereador tem medo da rodoviária

Edivaldo Bitencourt

Candidato – O deputado estadual Osvane Ramos (PROS) reafirmou ontem que é candidato à reeleição. O parlamentar registrou a candidatura e destacou que a discordância da chapa formada é coisa do passado.

Pobre, nem tanto – O ex-prefeito Alcides Bernal (PP) ficou R$ 500 mil mais rico após assumir a Prefeitura de Campo Grande. O rendimento é o dobro do valor obtido com salários, que somaram R$ 226 mil no ano passado. A evolução patrimonial, de R$ 1,3 milhão para R$ 1,8 milhão, faz parte da declaração patrimonial entregue à Justiça Eleitoral.

Tostão – Bernal vem se gabando de que fará a campanha do “tostão contra o milhão”. No entanto, além de declarar R$ 7 milhões à Justiça Eleitoral, ele tem garantido aos amigos e companheiros, de que tem o dinheiro para conquistar o eleitorado neste ano.

Campanha – Com a Copa do Mundo na última semana, os candidatos reduziram o ritmo das atividades. Por enquanto, eles reservaram os dias para planejamento e reuniões para afinar o discurso.

Centro – Os vereadores Paulo Siufi e Carla Sphanini, ambos do PMDB, contaram, ontem, que nasceram e cresceram no Centro da Capital. Eles defendem o projeto Reviva Centro, que promete revitalizar e mudar a paisagem da região central.

Ato político – Paulo Siufi lembrou que o lançamento do filme Dona Flor e seus dois maridos se transformou em ato político. Prefeito, vereadores, deputados e até governador prestigiaram o lançamento do filme no cinema da Estação Rodoviária.

Medo – O vereador também lembrou que a região da Estação Rodoviária já foi nobre. “Era ponto de encontro de amigos”, lembrou-se, saudosista. Hoje, segundo o peemedebista, até ele tem medo. “Não passo nem de carro, quando volto da missa à noite”, admitiu.

Miss simpatia – A candidata a senadora Simone Tebet (PMDB) cumprimentou os petistas que estavam esperando o registro da candidatura na tarde de sábado. Ela até conversou rapidamente com o candidato a governador do PT, senador Delcídio do Amaral. Em seguida, brincou: deixa eu ir embora, para não falarem que mudei de lado.

Maior – Única a continuar apta na disputa da licitação do videomonitoramento no Centro, a empresa quase ofereceu valor maior. Após ser alertada por jornalista de que o valor estava a maior em alguns centavos, a comissão de licitação corrigiu a ata e o valor ficou R$ 1,74 menor.

Último – Os servidores públicos terão o último dia de meio feriado. Independente do resultado da partida, o próximo jogo não cai em um dia de semana. Se vencer os alemães, o Brasil joga a final no domingo. Se a disputa for pelo terceiro lugar, a partida acontece no sábado.

(colaboraram Aline dos Santos, Kleber Clajus e Ludyney Moura)

A missão espinhosa de Marun
Casa cheia - No discurso em que saudou Carlos Marun como seu novo ministro da Secretaria de Governo, Michel Temer disse ter ficado preocupado com a p...
Só praças estão presos por cobrar propina
Só praças – A investigação sobre o envolvimento de policiais militares com a “Máfia do Cigarro” indica que, por ora, não há oficiais entre os policia...
Pezão pede dica a Reinaldo sobre dívida
Pedido de ajuda - Ao anunciar ontem o depósito do décimo-terceiro salário dos servidores, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) reforçou o discurso d...
Após "perder" cargo, deputado muda o tom
Mudou – Antes cotado para assumir uma secretaria do governo do Estado, o deputado Coronel David (PSC) está agindo ultimamente como oposição ao Govern...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions