ACOMPANHE-NOS    
ABRIL, SÁBADO  04    CAMPO GRANDE 25º

Artes

Museu da Imagem e do Som exibe “Branco sai, preto fica” nesta quarta-feira

O Ciclo de Cinema Contemporâneo é uma parceria com a UFMS

Por Lucas Mamédio | 18/02/2020 12:09
 “Branco sai, preto fica” será a primeira exibição
“Branco sai, preto fica” será a primeira exibição

O cinema contemporâneo terá espaço no MIS (Museu da Imagem e do Som) a partir desta quarta-feira (19). A sessão gratuita faz parte do Ciclo de Cinema Brasileiro Contemporâneo, que será realizado no primeiro semestre de 2020. A mostra é uma parceria com o Curso de Audiovisual da UFMS. A curadoria é dos professores Júlio Carlos Bezerra e Vitor Zan.

O primeiro filme a ser exibido será “Branco sai, preto fica”, do diretor Adirley Queiróis. O filme conta a história de dois homens negros, favelados, de Brasília, que têm suas vidas transformadas pela ação criminosa de um policial racista.

O filme tem a duração de 93 minutos e a classificação é 14 anos. A exibição será no Memorial da Cultura e da Cidadania, na avenida Fernando Corrêa da Costa, 559 Centro, no terceiro andar. Telefone: (67) 3316-9178.