A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 15 de Agosto de 2018

13/12/2016 12:00

Amigos sacaneiam torcedor louco pelo Inter, mas o troco é uma lição de amizade

Thailla Torres
Luciano torce pelo Internacional desde a infância. Luciano torce pelo Internacional desde a infância.

Enquanto muita gente chorou com o rebaixamento do Internacional no último domingo, por aqui o campograndense Luciano Serrano, de 32 anos, teve de encarar com bom humor a queda do time de coração para a Série B. Os amigos resolveram sacanear Luciano com uma brincadeira que deu trabalho.

Ontem, colaram mensagens ao longo do percurso que ele faz até o trabalho, lembrando o torcedor sobre a derrota histórica. Provaram que a 'zoeira' não tem limites, mas o troco foi uma lição de amizade sobre como não vale a pena estressar por coisas pequenas. 

A brincadeira começou no condomínio. Enquanto Luciano dormia, os amigos colaram um B gigante no carro e na porta, para lembrar que o time foi rebaixado no Campeonato Brasileiro pela primeira vez em sua história de 107 anos. No portão e no percurso até o serviço, mas gozação com a mensagem: "Gurizão, de agora em diante todos os dias serão segunda".

Mensagem deixada no portão foi recebida com bom humor por Luciano. Mensagem deixada no portão foi recebida com bom humor por Luciano.

A boa surpresa é que Luciano não se abalou. Tirou fotos pelo caminho e ainda postou nas redes sociais em tom de brincadeira. "Eu ri muito né. Conseguiram fazer durante o meu caminho para o trabalho e foi muito engraçado. Não fiquei chateado de forma alguma, isso na verdade é a vida, feita de altos e baixos. Eu também aprendi a 'zoar', mas sempre com respeito".

A ideia foi do amigo de infância Sérgio Schnaider, que mora em São Paulo. Em conversa com os amigos daqui, o plano entrou em andamento há uma semana, mesmo sem saber se o time seria rebaixado. 

"Foi pelo Whatsapp que ele organizou e financiou tudo. Mandou dinheiro para os amigos daqui e pediu para que fossem feitas as faixas. Mesmo correndo risco, já que a gente tinha a chance de não cair. Depois que eu fiquei sabendo, ele me disse que foi o dinheiro mais bem investido da vida", conta.

Sérgio que é gremista, disse que a brincadeira foi o 'troco' pelos anos de sofrimento longe de um título. "Apesar de ter sido uma brincadeira, eu também sofri muito com ele nos últimos anos. Fazia um tempo que o grêmio não ganhava o título e por isso foi a minha vez de brincar", conta.

No início, a ideia era fazer um outdoor, mas por falta de tempo, escolheram os cartazes. "Conversando com alguns amigos a gente queria colocar um outdoor bem na frente da casa dele. Mas tivemos que deixar de lado e mesmo deu certo. Somos amigos desde moleque e só fiz isso porque temos liberdade e respeito", justifica.

Com ajuda do amigo Thiago Pereira, que é vascaino, a farra começou de madrugada. "A moagem foi grande, conversamos com uma vizinha para entrar no condomínio e colar tudo. A gente sabia que nervoso ela não ficaria, porque já tínhamos feito uma brincadeira parecida há alguns anos, durante uma final com Internacional e Corinthians. Ele sabe levar na esportiva".

Para Luciano, a brincadeira também trouxe uma reflexão sobre amizade e valores importantes, depois de alguns dias tristes por conta tragédia com o time Chapecoense. "A gente vem de duas semanas com muita tristeza. Eu gosto muito de futebol e isso mexe muito com a gente. Apesar da perda com o rebaixamento, tento aprender a lição de que no futebol ninguém é inimigo. Somos adversários e a gente precisa aumentar o respeito entre torcidas", acredita.

Luciano diz que é colorado desde pequeno e um torcedor fanático, o rebaixamento entristece, mas nada que deixe de lado a amizade ou crie uma desavença. "Não vale a pena brigar e nem achar ruim, na verdade eu achei divertido, achei que foi uma brincadeira muito saudável e acabei me sentindo muito querido por ser lembrado pelos meus amigos", declara.

Curta o Lado B no Facebook.

Nem o carro escapou da brincadeira.Nem o carro escapou da brincadeira.
Na porta de casa, Luciano deu de cara com a brincadeira.Na porta de casa, Luciano deu de cara com a brincadeira.


imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.