A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 21 de Setembro de 2018

08/05/2018 08:12

Bike Anjo convoca mamães para aprenderem de graça a pedalar

Thaís Pimenta
Cada aluno conta com a ajuda de um voluntário, que são treinados para ensinarem o método oficial do Bike Anjo.  (Foto: Saul Schramm)Cada aluno conta com a ajuda de um voluntário, que são treinados para ensinarem o método oficial do Bike Anjo. (Foto: Saul Schramm)

A chamada do projeto Escola Bike Anjo (EBA) em Campo Grande no mês de maio foi especial para as mamães que ainda não sabiam pedalar, para que deixassem de lado a vergonha e finalmente aprendessem. O evento aconteceu no sábado, no Horto Florestal, mas só uma corajosa apareceu. 

No meio de oito crianças, Regiane Botelho Aguiar, de 37 anos, contou que esperava encontrar parceiras da sua faixa etária por ali, mas teve de enfrentar os medos sozinha. "Quando cheguei aqui e vi que só tinha eu fiquei mais nervosa ainda, afinal não é todo dia que a gente está disposta a aprender uma coisa tão desafiadora, ainda mais em público".

A organização do projeto na Capital mantem o convite às mamães e também aos papais que queiram aprender. "Nosso foco são adultos. No próximo mês nosso encontro acontece no dia 2 de junho, no Parque Ayrton Senna. Como só realizamos esse encontro uma vez por mês é legal que os interessados se planejem pra participar", disse Jose Julian Orjuela Sepúlveda, responsável pela EBA.

Criançada foi maioria no último encontro. (Foto: Saul Schramm)Criançada foi maioria no último encontro. (Foto: Saul Schramm)

O projeto funciona de forma gratuita. Quem não tem bike pode pegar uma emprestada com os voluntários que participam do EBA, já que o projeto recebe doações constantes delas. Depois do aulão, a bike precisa ser devolvida ao Bike Anjo mas, como dizem, uma vez pedalando a gente nunca mais esquece!

Regiane tentou, tentou, suou a camisa - literalmente, até que conseguiu sair do Horto Florestal já pedalando, sem ajuda de ninguém, só mesmo o incentivo. O maridão, Fabricio Costa, foi quem despertou o interesse na esposa. ''Ele disse que queria comprar uma bicicleta pra pedalar com a Rafa, já que ela anda com bike com as rodinhas né, o que inclusive hoje eu fiquei sabendo aqui, por meio dos instrutores, que é muito ruim. E eu pensei que seria bacana para eles passearem né, não me inclui no passeio. Até que caiu a ficha que se eu aprendesse podia ir junto. Vi o projeto na internet e estou aqui''.

A mãezona achou que seria mais difícil aprender. ''Eles tem métodos certeiros. Primeiro a gente testa o esquilíbrio em cima da bicicleta sem os pedais. Aí depois eles colocam só um dos pedais, pra treinarmos o movimento. Quando você vê, na hora que a bike tá completinha, você já entendeu como funciona. O mais difícil é se equilibrar mesmo''.

Regiane treinando o equilíbrio, a primeira fase para conseguir sair pedalando. (Foto: Saul Schramm)Regiane treinando o equilíbrio, a primeira fase para conseguir sair pedalando. (Foto: Saul Schramm)

A filha de Regiane, a pequena Rafaela, também saiu pedalando, e agora no treino com os pais ela pega o jeito melhor. ''Eu até hoje tinha medo de andar porque na infância tomei muito capote, além do fato de que eu não tinha bicicleta, tinha que pegar emprestado dos outros'', explica Regiane.

Para saber mais sobre o projeto acesse o link. ''Participar é gratuito, basta chegar com vontade de aprender'', finaliza Jose.

Curta o Lado B no Facebook  e no Instagram.

Projeto foca nos adultos, mas consegue fazer gente de todas as idades andarem de bike. (Foto: Saul Schramm)Projeto foca nos adultos, mas consegue fazer gente de todas as idades andarem de bike. (Foto: Saul Schramm)


imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.