ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, SEGUNDA  24    CAMPO GRANDE 24º

Comportamento

Mãe de Ana Castela, Michele não dorme sem notícias da filha até hoje

Michele Castela concedeu entrevista ao Lado B e revelou como lida com a saudade da filha que hoje é um sucesso

Por Idaicy Solano | 12/05/2024 07:11
Michele fala sobre relação com a filha e como lida com a saudade quando Ana está longe (Foto: Reprodução/Redes Sociais)
Michele fala sobre relação com a filha e como lida com a saudade quando Ana está longe (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Ver os filhos voarem para longe de casa e aprender a lidar com a saudade aperta o coração de mãe na maioria da vezes. A empresária Michele Castela, mãe da cantora sul-mato-grossense Ana Castela, teve que aprender em pouco tempo a lidar com esse sentimento no peito, já que a filha se tornou um fenômeno da música sertaneja e hoje sua segunda casa é palco.

Nesta Dia das Mães, Michele topou uma conversa com o Lado B que foi traduzida em "amor" e "saudade que não acaba", mesmo quando a filha volta de um show para casa. A mãe da Boiadeira também revelou um amor pela música e como a arte tomou o coração da filha.

Perto ou longe, Michele é mãe que não abandona seu lugar e admite que as cobranças e os conselhos à filha continuam. Em muitas vezes, diz coisas que nem sempre Ana Castela quer ouvir, mas são necessárias. Apesar da independência das filhas, ela diz que o lema da família é 'se mexer com um, mexe com todos'. “Não mexe com a gente, principalmente não mexe com as minhas filhas”, enfatiza Michele.

Ana e Michele, no aniversário de 15 anos da Boiadeira (Foto: Arquivo Pessoal)
Ana e Michele, no aniversário de 15 anos da Boiadeira (Foto: Arquivo Pessoal)

Já fui adolescente, sei tudo o que a minha mãe me cobrava e que eu estava errada, mas eu não dava valor. Ela até me respondeu há um tempo assim, ‘mãe, eu ainda não sou você, eu não sou a sua idade, deixa eu viver a minha idade’. Realmente, eu deixo ela viver, mas eu sempre estou intercedendo por ela, de todos os lados”, diz Michele Castela sobre a filha.

Mãe não dorme! 

Quando Ana está fora de casa casa, a saudade aperta, mas Michele já sabe: não adianta ligar ou mandar mensagem, porque a Boiadeira não vai responder. Ela explica que isso é de família, pois eles não têm costume de serem “grudados” uns nos outros.

Então, o jeito é falar com os assessores e os seguranças da filha, para saber se fez uma boa viagem e como foi o show. Michele revela que não consegue dormir até receber uma confirmação de que a filha chegou bem ao hotel.

“A gente já desistiu de mandar recadinho pra Ana, porque nós somos igual gato. A gente não é uma família grudada que fica mandando [mensagem] o dia inteiro falando uma com a outra. Nunca fomos assim. [Mas] sinto muita saudade e preocupação. Eu sou muito feliz quando ela [Ana] está em casa. Às vezes, eu a vejo pouco, porque ela dorme, sai de casa, aí ela volta, ela sai de novo. Mas só o fato dela estar perto de mim, da nossa família estar junta, para mim é maravilhoso”.

Da esquerda para a direita, Antonella, Ana e Michele (Foto: Reprodução/Redes Sociais)
Da esquerda para a direita, Antonella, Ana e Michele (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Mãe de Ana Castela também quis ser cantora

Michele é uma grande fã da cantora Joelma, e conta que Ana cresceu vendo ela cantar e tocar as músicas da artista no violão, mas a filha nunca demonstrou interesse algum pela música. Isso mudou quando a empresária foi convidada para se apresentar para Ana na escola, no Dia Das Mães. A partir disso, despertou na Boiadeira o amor pela música, e ela começou a gravar covers e publicar na internet.

Michele lembra que, quando criança, sonhava em viver o que a filha vive hoje, mas a vida lhe reservou outros planos. Apesar disso, ressalta que nunca projetou seus sonhos em Ana, que escolheu trilhar esse caminho da música por conta própria.

Hoje Michele é responsável por administrar a parte financeira da família, e já não sonha mais com os palcos. “Já realizei tudo na minha filha, porque é incrível como tudo aconteceu exatamente como eu imaginava para mim, quando eu era criança, desde os seis anos, quando eu comecei a gostar de música”.

A empresária diz que idealizava que, quando ficasse famosa, o primeiro programa em que se apresentaria seria o Criança Esperança. Coincidentemente, foi exatamente esse o primeiro programa em que Ana se apresentou.

Foto de Ana criança, com violão, compartilhada por Michele nas redes sociais (Foto: Reprodução/Redes Sociais)
Foto de Ana criança, com violão, compartilhada por Michele nas redes sociais (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Michele também revela que a sul-mato-grossense sempre foi uma menina simples, obediente, forte e guerreira, e ver a filha conquistar as paradas de sucesso e dominar as plataformas musicais é motivo de orgulho e ela se emociona em todos os shows que assiste.  "Sou muito feliz de ver minha filha cantando. Para mim, é a maior realização do mundo”.

Ela finaliza ressaltando que uma mulher, enquanto mãe, tem que ensinar aos filhos a coragem e protegê-los com unhas e dentes.  “Filho é o nosso bem mais precioso. Não existe felicidade de um pai, de uma mãe, se não a felicidade dos nossos filhos. Então sempre a minha preocupação vai ser com as minhas filhas, com a alegria delas, com a felicidade delas, com o bem estar”.

Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

 Acompanhe o Lado B no Instagram @ladobcgoficial, Facebook e Twitter. Tem pauta para sugerir? Mande nas redes sociais ou no Direto das Ruas através do WhatsApp (67) 99669-9563 (chame aqui).

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias