ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SEXTA  24    CAMPO GRANDE 23º

Comportamento

Por desejo de quem partiu, família quer realizar Banho de São João

Reunião entre festeiros vai definir como festa acontece nesse ano

Por Bárbara Cavalcanti | 20/05/2021 06:05
Tradicional festa sul-mato-grossense agora é Patrimônio do Brasil. (Foto: Governo de MS)
Tradicional festa sul-mato-grossense agora é Patrimônio do Brasil. (Foto: Governo de MS)

Para realizar o desejo de uma das festeiras mais antigas de Corumbá, Maria de Paula Silva, que faleceu em março, filhos festeiros querem que a festa do Banho de São João aconteça neste ano. Pelo menos expectativa é grande, ainda mais depois que a festa é agora Patrimônio do Brasil. Mas devido a pandemia, tudo ainda está em aberto para ser discutido ao longo da próxima semana.

Maria era uma das festeiras mais antigas da cidade. Ela faleceu em março desse ano. (Foto: Aquivo Pessoal)
Maria era uma das festeiras mais antigas da cidade. Ela faleceu em março desse ano. (Foto: Aquivo Pessoal)

De acordo com o festeiro e filho de Maria, Jeferson de Paula Silva, pelo desejo da mãe, a expectativa é conseguir realizar a festa. Mas como isso irá acontecer na prática, ainda não se sabe. “Talvez nesse momento, até por conta da pandemia, não saia como os anos anteriores”, explica. No ano passado, a festa foi transmitida e os festeiros deram o tradicional banho no santo em casa.

“Estávamos acostumados com muita gente, às vezes dava uma sensação de vazio, mas ao mesmo tempo, éramos movidos pela fé, que é o que nos conforta, acreditando que tudo na vida tem seu tempo”, expressa. De acordo com Jeferson, a possibilidade da festa ser novamente transmitida, não está descartada. Mas tudo ainda será discutido com outros participantes na próxima semana.

Para o festeiro Alfredo Ferraz, o sentimento é de gratidão e felicidade com a notícia do Patrimônio do Brasil. “Para nós festeiros, é uma grande vitória e a expectativa é de mais valorização da nossa festa a partir de agora”, reforça.

O título reconhece a importância de uma das maiores festas populares de Mato Grosso do Sul, famosa pelo levantamento do Mastro de São João, roda de Cururu e Siriri, alvoradas, procissões, cortejos, novenas e, claro, pelo banho do santo no Rio Paraguai. A festa, que tem o ápice em dia 23 de junho, remete ao batismo de Jesus feito por João Batista nas águas do Rio Jordão.

Curta o Lado B no Facebook. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário