ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, TERÇA  18    CAMPO GRANDE 32º

Consumo

Mágoa de ex-dono é ver Volkswagen TL de 1971 definhando em oficina

Ele vendeu o carro na esperança de que o novo proprietário reformasse, mas há 10 anos, está parado sem reparos

Por Ângela Kempfer | 01/12/2021 09:56
TL azul foi herança do ex-sogro para a filha. (Foto: Kísie Ainoã)
TL azul foi herança do ex-sogro para a filha. (Foto: Kísie Ainoã)

O Volkswagen TL 1971, que já criou muitas cenas na memória da família, hoje é sucata em oficina mecânica na Rua Ouro Verde, no Bairro São Jorge da Lagoa. A relíquia que, em bom estado, é vendida na internet por mais de R$ 30 mil, há 10 anos, definha estacionada ao relento.

Durante a infância, era o carro que levava os 3 filhos do piloto Luiz Henrique Santagostino da fazenda para escola. Mas os meninos cresceram e um dia, o dono resolveu vender, na esperança que o comprador desse a devida repaginada que o TL, antecessor da Variant, merecia. Mas hoje, só quem vê o carro é o ex-proprietário.

"Me arrepio de ver o estado que ele ficou, queria que ele devolvesse então", diz Luiz, em mais uma tarde de visita à oficina. O nome do atual dono não é citado, mas a versão é de que ele comprou sem ter o dinheiro para a reforma e acabou abandonando o Volkswagen, sempre dizendo que "na próxima semana, começaria a investir".

Toda a parte interna era branca. (Foto: Kísie Ainoã)
Toda a parte interna era branca. (Foto: Kísie Ainoã)

Mas a história do carro tem 50 anos. Em 1971, o sogro de Luiz comprou a TL 0 KM, em Batatais (SP), com pagamento em 24 prestações. "Até os recibos eu guardei de todas as parcelas pagas", conta o piloto.

Quando morreu, o veículo ficou de herança para a filha e virou meio de transporte da família. O afeto diante do que o carro representava fez por muitos anos os netos resistirem à venda.

O pai então trocou o motor por outro original, providenciou um estoque de peças, mas a cada dia, algo estragava na lataria e no estofamento. O veículo acabou parado na garagem e uma boa oferta convenceu a família a se despedir do carro.

Até na internet é difícil encontrar um modelo igual e tão antigo. Um ano 1972, por exemplo, é oferecido por R$ 38 mil no Mercado Livre.

Painel já está completamente danificado. (Foto: Kísie Ainoã)
Painel já está completamente danificado. (Foto: Kísie Ainoã)

Tudo na parte interna é original, mas a degradação é visível. No painel, nem o forro do porta-luvas ficou intacto com o passar dos anos.

Mas o rádio continua lá, assim como o volante, o câmbio, velocímetros, maçanetas e estepe. Os bancos branquinhos estão encardidos, mas ainda contrastam com azul desbotado da lataria. Só o motor tem cara de novo.

Mas segundo o proprietário da oficina mecânica onde a TL fica, Edson Tamazato, o valor para deixar o veículo novo nem é tão alto. "Acho que uns 4 mil ou 5 mil reais são suficientes. O motor está 100%, só a lataria e o estofamento que precisam de reforma", diz.

No carro, só o motor ainda funciona. (Foto: Kísie Ainoã)
No carro, só o motor ainda funciona. (Foto: Kísie Ainoã)


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário