A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 19 de Março de 2019

16/02/2019 07:45

Com 8 escolas de samba no mesmo pódio, Carnaval é lançado oficialmente

Alegria tomou conta dos quatro cantos do clube, durante lançamento oficial do Carnaval campo-grandense

Thailla Torres
Festa tomou conta do salão e escolas prometem Carnaval ainda mais animado. (Foto: Kísie Ainoã)Festa tomou conta do salão e escolas prometem Carnaval ainda mais animado. (Foto: Kísie Ainoã)

Um barulho diferente tomou conta do Clube União dos Sargentos na noite desta sexta-feira (15). Foi o ritmo carnavalesco ecoando pelos quatro cantos do salão, no bairro Amambaí, com a presença de oito escolas de samba no lançamento oficial do Carnaval 2019.

A chegada da folia teve um peso diferente neste ano, porque a Liga das Entidades Carnavalescas de Campo Grande (Lienca) retirou de cena o grupo de acesso, colocando as oito agremiações em um grupo único, ou seja, “são todas especiais”, explicou o presidente Eduardo Souza Neto. “Como forma de valorizar as escolas intermediárias que também lutam pelo título. Ao longo do ano, fizemos uma análise técnica e percebemos que nem todas as escolas estavam com aquele espírito de competitividade”.

Rainha, Rei Momo e princesas. (Foto: Kísie Ainoã)Rainha, Rei Momo e princesas. (Foto: Kísie Ainoã)

No entanto, no regulamento, quem ficar em último (8º lugar) na competição perderá 30% dos recursos no Carnaval 2020. Este ano, a Prefeitura prometeu repassar R$ 300 mil e o Governo R$ 380 mil, valores destinados à infraestrutura dos desfiles e ao preparo das escolas de samba. Os desfiles acontecerão nos dias 4 e 5 de março, na Passarela do Samba, ao lado da Praça do Papa.

A todo vapor – Em busca do bicampeonato, os preparativos não param no barracão da Deixa Falar, que em 2018 quebrou hegemonia e venceu o Carnaval. Nos anos anteriores o “rodízio” era feito pelas escolas Igrejinha e Vila Carvalho.

Este ano, a escola homenageia a professora Maria da Glória Sá Rosa, carinhosamente chamada de Glorinha, e que amava a arte em todos os sentidos. Para o presidente Salvador Dódero, levar o nome da professora para à avenida é mais uma prova que ela nunca partiu do coração de ninguém. “Trabalhei com ela em muitos festivais culturais nesses Estado, sei a mulher incrível que ela foi. Os mais jovens não a conhecem, mas, na Avenida, tenho certeza que vão se apaixonar”.

Unidos do Aero Rancho. (Foto: Kísie Ainoã)Unidos do Aero Rancho. (Foto: Kísie Ainoã)
Salvador, presidente da Deixa Falar. (Foto: Kísie Ainoã)Salvador, presidente da Deixa Falar. (Foto: Kísie Ainoã)

Na corrida contra o tempo, a Vila Carvalho virou enredo de Carnaval pelos seus 50 anos de história e promete um show de homenagens a quem um dia transformou o bairro com as cores verde e rosa. “Estamos trabalhando muito para terminar as fantasias e entrar com nossos carros mostrando a trajetória da nossa escola, será inesquecível”, diz o presidente José Carlos de Carvalho.

A diversidade cultural vai marcar a passarela do samba neste ano. Na busca por um título que há 12 anos não chega, a escola de samba Unidos do Aero Rancho fala da Bahia, sua fé e cultura com o samba de enredo “Meu rei a Bahia é aqui”. “É um ano de Ogum, de justiça e fé. É uma homenagem que veio de um pescador das águas de Miranda que também é baiano”, diz o presidente Alberto de Mattos.

Com 43 anos de história, a Catedráticos do Samba homenageia a comunidade árabe que faz parte da história e crescimento de Campo Grande. Com quatro carros alegóricos a escola está com 80% de suas fantasias finalizadas.

José, presidente da Vila Carvalho. (Foto: Kísie Ainoã)José, presidente da Vila Carvalho. (Foto: Kísie Ainoã)

A Unidos do Cruzeiro também promete um Carnaval inesquecível, com a empolgação de homenagear o Nordeste com o samba de enredo “Oxente cabra da peste, eu sou o Nordeste”. “Não queremos falar só das dificuldades que aquela região enfrenta, mas também da sua cultura e de um dos povos mais alegres do nosso Brasil”, descreve o diretor de Carnaval, Thierrys Guedes.

Lançamento oficial - Antes das apresentações de bateria, mestre-sala, porta bandeira e intérpretes. No palco do clube brilhou Corte de Momo, composta pelo Rei José Tadeu, a Rainha Luciene Matias e as princesas Iasmin Calazans e Rayssa Ortigosa que foram coroados pela Lienca e seus convidados.

As escolas que desfilam no dia 4 de março (segunda-feira) são Herdeiros do Samba, Unidos do Aero Rancho, Cinderela e São Francisco. No dia 5 (terça-feira) desfilam Unidos do Cruzeiro, Catedráticos do Samba, Deixa Falar, Igrejinha e Vila Carvalho.

Curta o Lado B no Facebook e Instagram.

Desfiles acontecerão nos dias 4 e 5 de março, ao lado da Praça do Papa. (Foto: Kísie Ainoã)Desfiles acontecerão nos dias 4 e 5 de março, ao lado da Praça do Papa. (Foto: Kísie Ainoã)


imagem transparente

Classificados


Copyright © 2019 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.