A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 19 de Agosto de 2018

04/10/2017 12:00

Jogos independentes prometem fazer bonito durante a Brasil Game Show

Rodrigo Motta “Vigia”
Imagem do game Esquadrão 51.Imagem do game Esquadrão 51.

As produtoras independentes vem conquistando um setor cada vez mais respeitável. Com jogos como Shovel Knight, Oniken, Axiom Verge tendo consolidado uma posição de respeito dentro do mundo dos games e a recém chegada do mais novo sucesso, Cuphead, que teve uma excelente recepção da crítica, podemos imaginar que essa é uma área que está cada vez mais recebendo o destaque que merece.

Pudemos visitar a BGS no ano passado e digo: o setor indie foi um dos que mais me agradou. Ali muitas vezes falamos com os próprios desenvolvedores dos jogos, acabamos conhecendo os jogos de uma maneira muito mais profunda com a visão íntima que a equipe tem com seu trabalho, descobrindo as motivações, frustrações, tudo aquilo pelo que passam os desenvolvedores de produtoras que, na maioria das vezes, não tem o reconhecimento necessário e acabam tendo que lutar muito mais para arrumar seu lugar ao Sol.

Selecionamos 4 jogos para apresentar, mas a feira estará cheia de novidades e esperamos trazer mais delas no decorrer do evento.

Esquadrão 51

Embora o estúdio Loomiarts, de São Leopoldo RS, seja recente, de 2017, Esquadrão 51 já mostrou que tem um tremendo potencial. Um jogo do gênero Shoot em Up de rolagem horizontal, com gráficos inspirados nos filmes dos anos 50, lembrando os clássicos filmes de invasão de alienígenas. Durante a jogatina contamos com uma narrativa, algo bem original dentro do gênero e as cutscenes também contribuem para nos sentirmos ainda mais dentro de um filme da época.

No BIG Festival (Brazil’s Independent Games Festival) de 2017, Esquadrão 51 foi finalista nas categorias melhor jogo brasileiro e melhor arte. O jogo está com lançamento previsto para 2018 para PC (Steam), mas o estúdio quer também levar o jogo para os consoles.

Children of Morta

Children of Morta mistura a ação do hack ‘n slash com elementos de RPG num mundo gerado proceduralmente. Desenvolvido pelo estúdio Dead Mage e distribuído pelo 11 bit, Children of Morta bateu a meta de 65 mil dólares no site de financiamento coletivo no kickstarter e já tem uma página disponível na steam onde podemos ver alguns dos depoimentos de apoiadores do jogo que jogaram uma demonstração, embora nós já possamos ver alguns gameplays da belíssima arte pixelada do jogo.

No jogo somos um membro da família Bergson, que protegem o Monte Morta por muitas gerações, no entanto algo chamado corrupção infestou a montanha, então devemos avançar pelos labirintos da montanha que sempre muda ao mesmo tempo que testemunhamos as relações entre os membros da família.

Valgard

Mais um estúdio do Rio Grande do Sul, o Revolver Studios traz o jogo Valgard, que conta a história do guerreiro de mesmo nome que tem o poder do “Punho do Berserker”, que foi incubido por Odin a percorrer os 8 reinos em busca da armadura de Aquiles. Tal relíquia poderia mudar a maré na guerra dos deuses gregos contra os gigantes.

Valgard é um Shoot em Up de rolagem vertical que me lembrajogos clássicos como Elemental Master, Undeadline, Knightmare e Twinkle Tale e estará disponível para Windows, Macintosh, PS4 e Xbox One.

Yokai Killer: Shuten Doji

O último jogo da lista é Yokai Killer: Shuten Doji, um jogo em que devemos enfrentar poderosos Yokais, que são demônios ou criaturas sobrenaturais do folclore japonês. Embora o jogo esteja numa fase inicial já pode-se notar como a temática oriental foi bem conduzida, criando uma mitologia sobre cada ser que enfrentaremos em nossa jornada, num gameplay frenético que aparenta ser uma mistura de hack ‘n slash com plataforma.Yokai Killer: Shuten Doji inicialmente está previsto apenas para PC.

Durante a feira traremos matérias especiais sobre os desenvolvedores indie que estão expondo por lá, então fiquem ligados aqui no Lado B e no Video Game Data Base.

Conheça a Mega Eletrón, a loja online de games oficial do Vídeo Game Data Base, o museu virtual brasileiro dos videogames. O VGDB terá neste ano um estande cheio de diversão e informação na Brasil Game Show, a maior feira de games da América Latina, que acontece na cidade de São Paulo/SP de 11 a 15 de outubro no Expo Center Norte. Compre já o seu ingresso e não perca o maior evento gamer do Brasil.



imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.