A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 25 de Março de 2017

10/01/2017 09:16

De decoração sofisticada, casal abre café romântico com livraria na Euclides

Thailla Torres
Café ganhou decoração sofisticada feita por um casal romântico. (Foto: Fernando Antunes)Café ganhou decoração sofisticada feita por um casal romântico. (Foto: Fernando Antunes)

Mário tem um jeito calmo e Neila diz ser uma eterna romântica. Depois de um tempo dedicado aos filhos, ela e o marido investiram em um espaço para ser a segunda casa, recheada de amor. Na Rua Euclides da Cunha, agora funciona o “Tomazoni + Que Café”, dedicado ao sabor e à leitura.

“Parei tudo para ser mãe e meu esposo sempre falava que queria abrir uma loja pra mim. Mas eu sempre associava a roupa, mas não me imaginava vendendo. Há três anos eu e ele estávamos sentados em um café em Buenos Aires, quando ele olhou pra mim e disse: Coloca tudo no papel como você quer um café junto com uma livraria”, conta a proprietária Neila Fernandes Tomazoni, de 55 anos.

Durante o tempo que passaram viajando, Neila e uma das filhas passaram a sonhar com o empreendimento. Em cada lugar que ia conhecendo, buscou referências para abrir um espaço charmoso e aconchegante em Campo Grande.

Juntos há 35 anos, casal fala sempre do amor e família. (Foto: Alcides Neto)Juntos há 35 anos, casal fala sempre do amor e família. (Foto: Alcides Neto)
Espaço ficou lindo e aconchegante. (Foto: Fernando Antunes)Espaço ficou lindo e aconchegante. (Foto: Fernando Antunes)
Com lustre, papel de parede e sofás, decoração remete ao clássico. (Foto: Fernando Antunes)Com lustre, papel de parede e sofás, decoração remete ao clássico. (Foto: Fernando Antunes)

Com decoração sofisticada, tudo foi pensado por elas. “A gente queria um ambiente onde eu chegasse e sentisse vontade de voltar. Brincamos de desenhar e fomos pensando em cada cantinho. Sempre que eu viajava, passava em um café e mandava uma foto. Foi um pouquinho daqui e ali para a gente pensar em tudo”, conta.

Neila diz que se inspirou em um café que visitou em Portugal, onde também existia uma livraria. O gosto pela leitura, foi o que motivou a reunir café e livros em um local só. “Escolhemos vender livros que falem de amor, fé e família. Porque sem a nossa família não temos nada”, explica.

Do teto as paredes, a decoração remete ao clássico, com lustres, sofás, espelhos e quadros. Na estante, estão palavras como felicidade, família e amor, em destaque. Quem chega, também é recebido com recado escrito a mão, explicando a receita da felicidade. 

Já o café, ainda está com um cardápio reduzido, mas em breve Neila diz que vai servir sanduíches quentes, ovos mexidos e tapioca. Por enquanto, oferece salgados, bolo caseiro, capuccino e café quentinho a R$ 4,00.

Quem chega no lugar é recebido com felicidade.(Foto: Fernando Antunes)Quem chega no lugar é recebido com felicidade.(Foto: Fernando Antunes)
Recadinho feito a mão para quem ama café. (Foto: Fernando Antunes)Recadinho feito a mão para quem ama café. (Foto: Fernando Antunes)

Do som, escuta-se música romântica e tranquila. Na livraria, quem não for comprar, há livros disponíveis para ler enquanto se toma um café. 

"Buscamos trazer para o espaço um sentimento diferente. Os livros que falam da família, é uma forma de restaurar o amor, mostrando que a família não morre e sim tem que ser preservada. Porque a gente acredita muito no amor", diz.

Toda corrente do bem que o casal busca no espaço, tem sentido no romantismo que permanece há 35 anos, desde o casamento. "Eu sempre fui romântica, hoje ele consegue ser mais romântico do que eu. Acordo todos os dias com cafézinho e ele me dizendo palavras lindas". 

Os dois se conheceram em um congresso da igreja. Mário sempre lhe escrevia cartas. "Mas naquele tempo ele namorava minha melhor amiga, eu só passei a responder as cartas quanto eles terminaram. Foi ai que namoramos e casamos. Continuamos amigas e ela também se casou em seguida e está com o grande amor até hoje. Então acredito que era pra ser assim", conta. 

O Tomazoni + Que Café, fica na Rua Euclides da Cunha, 69, Jardim dos Estados, abre de segunda à sexta das 7h45 às 19h e aos sábados das 8h30 às 19h.

Curta o Lado B no Facebook.

Receita da felicidade. (Foto: Alcides Neto)Receita da felicidade. (Foto: Alcides Neto)
Decoração charmosa. (Foto: Fernando Antunes)Decoração charmosa. (Foto: Fernando Antunes)
+ Que Café fica na Rua Euclides da Cunha, 69, Jardim dos Estados. (Foto: Fernando Antunes)+ Que Café fica na Rua Euclides da Cunha, 69, Jardim dos Estados. (Foto: Fernando Antunes)



imagem transparente
Busca

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2017 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.