A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 18 de Agosto de 2018

23/04/2018 07:35

Garagem vira doceria e bomba vendendo bolos e salgados por R$ 3,50 aos domingos

No fundão do bairro União, tapete com "bem-vindo", flores e gentileza de irmãos dão forma ao que hoje sustenta a família

Guilherme Henri
Alexandra e o irmão Alexandre em garagem que hoje é doceria no União (Foto: Saul Schramm)Alexandra e o irmão Alexandre em garagem que hoje é doceria no União (Foto: Saul Schramm)

Na entrada, o tapete diz “bem-vindo” e não há como se sentir diferente na antiga e pequena garagem que recebeu cortina cor de rosa, balcões, fogão industrial, gentileza, força de vontade e muito doce. No fundão do União, a “Lá em casa Doceria”, fica anexa a casa simples e bomba aos domingos com evento de pedaços de bolos e salgados a R$ 3,50.

A doceria surgiu há um mês pelas mãos de fada dos irmãos Alexandra Melo, 38 anos, e Alexandre Henrique Silva, 26 anos. A irmã conta que trabalhava em doceria da Capital, mas depois de corte no pessoal se viu desempregada.

O natural seria buscar novo emprego em outro lugar no mesmo ramo, mas o irmão Alexandre Henrique tinha outra ideia. “O interesse pela gastronomia despertou quando me tornei vegetariano, pois tive que começar a elaborar pratos devido a minha dieta. Daí, falei com minha irmã que poderíamos abrir algo nosso no segmento de comida já que ela tinha experiência com confeitaria”, diz, Alexandre, que também cursa Arquitetura.

Fatia de qualquer bolo custa R$ 3,50 no domingo da família (Foto: Saul Schramm)Fatia de qualquer bolo custa R$ 3,50 no domingo da família (Foto: Saul Schramm)
Bolos de ninho com morango e quatro leites são opções no lugar (Foto: Saul Schramm)Bolos de ninho com morango e quatro leites são opções no lugar (Foto: Saul Schramm)

A ideia do irmão somada com as encomendas de bolo que Alexandra já recebia da vizinhança deram força ao sonho. “Fiquei com medo. Bem receosa mesmo. Mas, aí resolvi encarar e hoje não dá para voltar atrás”, diz.

O espaço disponível era a pequena garagem da própria casa, pois não ia gerar custo de aluguel. E com o aval da mãe, os irmãos resolveram apostar na estufa para salgados, vitrine de doces, balcão e fogão industrial. “O investimento foi de cerca de R$ 10 mil. Grana que tiramos até de onde não podíamos”, revela.

Porém, o aparato não foi o que de fato fez a doceria mas, sim a atmosfera criada pelos irmãos. O lugar hoje já não lembra que um dia abrigou carros. Na entrada um tapete escrito “seja bem vindo” recepciona a freguesia.

Alexandra ao lado de painel com flores rosas e francas feitas de papel (Foto: Saul Schramm)Alexandra ao lado de painel com flores rosas e francas feitas de papel (Foto: Saul Schramm)

Pouco adiante, um pequeno vaso de flores roxas aconchegam os olhos. A delicada cortina cor de rosa foi feita e colocada de modo que o lugar parecesse uma vendinha. A parede ao lado recebeu detalhe com papel de parede geométrico e um painel é morada para flores rosas e brancas feitas de papel. E nada disso parece querer esconder onde a mágica é feita, poucos passos adiante.

Alexandra diz que o nome não poderia ser outro já que quando era perguntada pelos clientes onde fazia os bolos a resposta era espontânea. “Lá em Casa”, brinca.

Com toda a combinação e um pouquinho de música seria difícil fazer doces que não enchessem os olhos e a boca d’água. Enquanto a irmã cuida do açúcar, Alexandre se encarrega dos salgados.

Os bolos são bem recheados e não perdem a características daqueles feitos em casa pela vó nos aniversários da criançada. Além disso, as empatadas ficam fresquinhas e não são expostas até que sejam pedidas.

Cupcakes são vendidos por R$ 3,50 cada aos domingos (Foto: Saul Schramm)Cupcakes são vendidos por R$ 3,50 cada aos domingos (Foto: Saul Schramm)

“Para impulsionar as vendas tínhamos que pensar em algo diferente. Então me lembrei que pelo menos aqui na região não há nada no domingo. Daí veio a ideia de criar o evento neste dia onde as famílias podem vir até aqui, se sentar e comer algo que fazemos com carinho e precinho baratinho”, conta Alexandra.

O retorno foi imediato. A confeiteira diz que pessoas saem do outro lado da cidade para ir até a doceria. Gentil, Alexandra abre um largo sorriso ao dizer “que hoje a família sobrevive inteiramente da doceria”. 

Sobre a perda da garagem, com muito bom humor Alexandre brinca, "tenho só uma motinha, mas se precisar pedimos a da vizinha".

A “Lá em Casa Doceria” fica na rua Osvaldo Canepa, 255, no bairro União. O lugar funciona de terça a domingo, com evento de R$ 3,50 no último ou primeiro dia da semana. Para quem quer mais, o quilo do bolo é em média R$ 35 e a doceria ainda oferece entrega, mais com taxa que depende da região. Além dos bolos e salgados, o lugar ainda oferece doces como cupcake, brigadeiro, brownie, carolinas e donuts.



imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.