A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 24 de Setembro de 2018

11/08/2018 16:46

Após chuva e geada, MS enfrenta novo alerta de queda na umidade do ar

Tempo seco castiga a saúde e aumenta riscos de queimadas nas cidades

Danielle Valentim
Aviso para as áreas: Leste Sul-Mato-Grossense, Pantanal Sul-Mato-Grossense, Centro Norte Sul-Mato-Grossense. (Foto: Inmet/Reprodução)Aviso para as áreas: Leste Sul-Mato-Grossense, Pantanal Sul-Mato-Grossense, Centro Norte Sul-Mato-Grossense. (Foto: Inmet/Reprodução)

O inverno de Mato Grosso do Sul é um verdadeiro "tira casaco, bota casaco". Depois de um início de agosto diferente, com ventos acima da média e até geada, a previsão, agora, é de tempo seco. Um novo alerta do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) traz aviso de queda na umidade relativa do ar para até 20%, índice abaixo do recomendado pela OMS, que é de 60%.

O aviso com grau de severidade de "perigo potencial" teve início às 12h30 deste sábado (11) e deve se prolongar. De acordo com o Instituto, a umidade relativa do ar deve variar entre 30% e 20%.

Risco de incêndios florestais e à saúde voltam a ameaçar e a população deve ingerir mais água, evitar desgaste físico nas horas mais secas, evitar exposição ao sol nas horas mais quentes do dia.

As principais regiões atingidas serão leste sul-mato-grossense, pantanal e centro norte sul-mato-grossense



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions