A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 24 de Novembro de 2017

04/05/2017 11:11

Galho cai sobre rede de energia e bairro fica sem eletricidade

Viviane Oliveira, Yarima Mecchi e Marcus Moura
Defesa Cível e Bombeiros analisam a situação para fazer o corte do galho (Foto: Yarima Mecchi)Defesa Cível e Bombeiros analisam a situação para fazer o corte do galho (Foto: Yarima Mecchi)

Ventos que chegaram a 35,3 km/h, nesta manhã de quinta-feira (4), causaram transtornos aos moradores de diversos bairros de Campo Grande. A ventania considerada de moderada a forte derrubou galhos, árvores e destelhou casas.

Na Rua José Gomes Domingues com a Manoel Inácio de Souza, no Bairro Santa Fé, galhos de uma uma ficus caiu sobre a fiação da rede elétrica. "Essa árvore foi plantada há 30 anos. Já consegui autorização para removê-la, mas a Prefeitura ainda não fez", lamenta a professora Soraia Ribeiro. No local, são duas árvores da mesma espécie que estão condenadas. Elas ficam na rua. 

O Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil foram acionados e aguardavam a Energisa, concessionária responsável pelo fornecimento de energia elétrica em Mato Grosso do Sul, para fazer a remoção. No bairro, duas quadras ficaram sem energia.

“Estamos esperando a empresa tirar os galhos da rede para continuarmos com a remoção. Nós vamos cortar a parte condenada com o auxilio do Corpo de Bombeiros”, explica Lenirdo Pedroso de Almeida, da Defesa Civil.

A remoção dos galhos que ficam na rua deve ser feita pelo Sisep (Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos). A rajada de vento, derrubou também parte do telhado da Loja Maçônica, na Rua Ibirapuera, no Jardim São Lourenço. A telha de eternit ficou pendurada entre a maçonaria e uma casa vizinha.

Na Rua Antônio Petengil, no Jardim Aeroporto, um galho de um ipê seco caiu sobre a cerca elétrica de uma residência e de um carro. A moradora Franciele Oliveira, 26 anos, conta que mora no local há 9 meses e já solicitou o corte à Prefeitura, mas ainda não teve o pedido atendido. “Não cortei ainda porque posso ser multada”, lamenta a dona de casa.

Os bombeiros também foram acionados para retirarem uma árvore caída no meio da Rua Vicente Solari, na Vila Bandeirante.

(Foto: André Bittar) (Foto: André Bittar)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions