ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEXTA  23    CAMPO GRANDE 22º

Meio Ambiente

Produtor é multado em R$ 50 mil por dano ambiental na bacia do rio da Prata

Por Priscilla Peres | 10/06/2016 16:29
(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

A PMA (Polícia Militar Ambiental) multou hoje, o quarto proprietário rural por causar danos ambientais na nascente do rio da Prata, em Bonito - distante 257 km de Campo Grande. Por drenar áreas de várzeas sem licença ambiental, ele recebeu multa de R$ 50 mil.

A polícia encontrou 2 km de drenos realizados, alguns em áreas de nascentes e olhos d’água, que são áreas de preservação permanente. Além disso, o agricultor de 34 anos e dono da fazenda Gramado, não possuía sem licenciamento ambiental para tal atividade.

As atividades na propriedade foram interditadas e o responsável responderá por crimes ambientais, podendo chegar a ser preso e cumprir pena de um a três anos por crime ambiental de destruir área de preservação permanente e mais um a seis meses de detenção por construir atividade poluidora sem autorização do órgão ambiental.

Ele também terá que apresentar plano de recuperação da área degradada, junto ao órgão ambiental. Os autos também serão encaminhados ao Ministério Público para possível abertura de ação civil pública de reparação dos danos ambientais.

Esse é o quarto caso de dano ambiental na região. As autuações lá já geraram multa de mais de R$ 15 milhões. Os levantamentos são realizados por imagens de satélites, fotografias e vídeos aéreos, além de acompanhamento terrestre.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário