ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SÁBADO  24    CAMPO GRANDE 22º

Meio Ambiente

Proprietário é autuado por explorar madeira seca acima da quantidade permitida

Por Viviane Oliveira | 31/01/2013 20:49
No local os policiais encontraram armazenados e sendo exploradas uma quantidade maior da autorizada. (Foto: divulgação)
No local os policiais encontraram armazenados e sendo exploradas uma quantidade maior da autorizada. (Foto: divulgação)

Um fazendeiro foi autuado nesta quarta-feira (30) em R$ 1,5 por armazenar e explorar madeiras sem autorização. O flagrante foi feito pela PMA (Polícia Militar Ambiental), em Bodoquena.

No local os policiais encontraram armazenados e sendo exploradas uma quantidade maior da autorizada. O capataz da fazenda apresentou licença do Imasul (Instituto do Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul), para exploração de madeira seca, porém, eles exploravam e armazenavam mais do que o permitido na licença.

O proprietário da fazenda e dono da madeira recebeu multa administrativa no valor de R$ 1.590. Ele também responderá por crime ambiental. Se condenado poderá receber pena de seis meses a um ano de detenção.

A PMA alerta que os proprietários rurais podem aproveitar até 20 m³ de madeira seca em sua propriedade. É só fazer um requerimento junto à Semac/Imasul.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário