ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, QUARTA  03    CAMPO GRANDE 14º

Meio Ambiente

Temperatura cai para 14ºC nos próximos dias no sul do Estado, diz Inmet

Por Viviane Oliveira | 07/04/2020 12:48
Depois de uma noite chuvoso, Campo Grande amanheceu com temperatura amena (Foto: Marcos Maluf) 
Depois de uma noite chuvoso, Campo Grande amanheceu com temperatura amena (Foto: Marcos Maluf)

Se depender da previsão do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) os sul-mato-grossenses do sul (região de Dourados) e oeste (região de Porto Murtinho) do Estado já podem tirar do armário as roupas de inverno, em pleno outono.

A temperatura deve cair para 14 graus, ou seja, 5 graus a menos, do que foi registrado nesta terça-feira (7) em Bela Vista, por exemplo, nas primeiras horas da manhã. Porém, no decorrer do dia a máxima poderá chegar a 31 graus.

Conforme Marcelo Chneider, meteorologista do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), os dias serão quentes e as noites e as madrugadas mais frias com umidade relativa do ar no período da tarde em torno de 30%. Gradativamente, a umidade do ar começa a ficar mais baixa no outono e inverno. Em Campo Grande, as temperaturas mínimas para os próximos dias serão de até 19 graus.

Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

“Virada de tempo, principalmente do centro para o sul em direção ao Pantanal será comum no mês de abril. É importante destacar que nessa época do ano as precipitações, em média, diminuem a intensidade, quando começam a aparecer as primeiras massas de ar frio produzindo queda na temperatura”, explicou. Veja, abaixo, a temperatura em Bela Vista para os próximos dias.

Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

O outono vai até as 11h54 do dia 21 de junho, quando começa o inverno. Nesse período, os dias vão ficando lentamente mais curtos e as noites mais longas. As temperaturas, com mínimas e máxima antes elevadas no verão, começam a reduzir criando a sensação de frio pela manhã. No entanto, no decorrer do dia, a temperatura sobe tanto quanto no verão em razão da umidade relativa do ar que mais durante o dia.

Em maio, as queimadas aumentam em todo o Estado. Haverá municípios com pouquíssima chuva e outros com falta. A região norte (do Alcinópolis, Camapuã, Coxim, Figueirão, Pedro Gomes, Rio Verde de Mato Grosso), São Gabriel do Oeste e Sonora) segue dentro das médias. Em junho, os dias serão bem secos com falta total de chuvas em todo Estado. Pode ocorrer no máximo 5 mm (milímetros) de chuva nas regiões de Coxim, Campo Grande, Dourados, Ponta Porã. Serão frequentes névoa seca e fumaça.