A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

15/07/2014 15:58

"Pedidos de impugnação são normais e sanáveis", dizem partidos

Ludyney Moura
Coordenador da campanha de Delcídio, Marcus Garcia, revela que coligação já está se movimentando para sanar problemas. (Foto: Marcos Ermínio) Coordenador da campanha de Delcídio, Marcus Garcia, revela que coligação já está se movimentando para sanar problemas. (Foto: Marcos Ermínio)

Os pedidos de impugnação de candidaturas feitos pela PRE (Procuradoria Regional Eleitoral) parece não ter assustado os candidatos. Procurados pelo Campo Grande News os principais nomes da lista se defendem e alegam que não devem nada à Justiça.

O coordenador da campanha do senador Delcídio do Amaral (PT) ao governo do Estado, o ex-presidente regional do Partido dos Trabalhadores, Marcus Garcia, afirma que a chapa não terá problemas pela suposta inobservância do limite mínimo de 30% da cota de candidatos a mulheres.

“Nós tínhamos um candidato excedendo o limite, mas ele ja desistiu da candidatura a deputado federal, para ser candidato a deputado estadual, o Elizeu Amarilha (presidente regional do PSDC). Esses pedidos são absolutamente normais, e perfeitamente sanáveis. Nosso departamento jurídico está trabalhando nessa questão. Certamente não teremos problemas com os nossos candidatos, e com certeza até o fim do prazo vamos entrar com recurso”, revelou o petista. Ao todo, as chapas proporcionais em apoio a Delcídio tem 220 postulantes a deputado estadual e 48 a deputado federal.

Principal nome do Partido Progressista no Estado, o prefeito cassado Alcides Bernal, candidato ao Senado pelo PP, também aposta na manutenção da candidatura. “Está tudo tranquilo, vamos recorrer e superar mais esta dificuldade”, afirmou Bernal.

O candidato ao Senado do PSOL, Lucien Rezende, também promete recorrer da solicitação. “Nós consideramos um equívoco da Justiça. Não estamos preocupados. Já estamos apresentando a documentação necessária e creio que em dois ou três dias já esteja tudo certo”, explica o socialista.

Governo do Estado investe R$ 9,2 milhões em infraestrutura em Caracol
Caracol vai receber mais de R$ 2,8 milhões em obras a serem executadas pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e deputados federais e est...
Assembleia vota Orçamento de R$ 14,4 bilhões de 2018 na terça-feira
O Orçamento de R$ 14,4 bilhões do Governo de Mato Grosso do Sul para 2018 passará pela votação em segunda discussão na terça-feira (19) na Assembleia...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions