A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 17 de Agosto de 2017

17/05/2017 11:56

"Se precisar", peemedebistas afirmam que vão ajudar André a pagar fiança

Ex-governador precisa pagar R$ 1 milhão em fiança, sob risco de ser preso

Mayara Bueno e Leonardo Rocha
Deputado estadual do PMDB, Paulo Siufi. (Foto: Roberto Higa e Victor Chileno/ALMS).Deputado estadual do PMDB, Paulo Siufi. (Foto: Roberto Higa e Victor Chileno/ALMS).
Eduardo Rocha, deputado líder do PMDB. (Foto: Roberto Higa e Victor Chileno/ALMS).Eduardo Rocha, deputado líder do PMDB. (Foto: Roberto Higa e Victor Chileno/ALMS).

Afirmando que ainda não foram procuradas pelo ex-governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), peemedebistas dizem que, se precisar, ajudarão a arrecadar dinheiro pagar a fiança de R$ 1 milhão arbitrada pela Justiça Federal.

“Assim que ele pedir ajuda ele encontrará um amigo”, diz o deputado federal Carlos Marun (PMDB), mesmo entendendo que este não é o melhor caminho. “Foi feita uma sentença impossível de cumprir, já que bloquearam os bens. Mas, dentro das minhas pequenas possibilidades, vou ajudar e vou tornar esta ajuda pública em relação valor”.

Líder do partido na Assembleia, o deputado estadual Eduardo Rocha conta que não sabe como levantará o dinheiro, mas que, como amigo, ajudará “no que for necessário”. Ele pondera que há recursos na Justiça tentando reverter o bloqueio de bens e espera que “a resposta seja positiva”.

Até o deputado Zé Teixeira (DEM), se dispôs a contribuir para o pagamento da fiança. "O André ainda não me ligou, mas se ele pedir estarei a disposição, pois sempre fui seu amigo". 

Alvo de condução coercitiva – quando a pessoa é obrigada a depor - na quarta fase da Operação Lama Asfáltica, André Puccinelli precisou colocar uma tornozeleira, como medida restritiva alternativa à prisão, e a Justiça mandou pagar R$ 1 milhão, sob risco de ser preso, caso não pague. O prazo era até segunda-feira (15), mas a defesa conseguiu mais cinco dias.

Ontem, o advogado do ex-governador, Renê Siufi, disse que Puccinelli está cuidando do assunto pessoalmente.

“Os amigos não vão lhe faltar neste momento e se precisar vamos ajudar a pagar a fiança”, afirmou a deputada Antonieta Amorim, explicando, no entanto, que considera “impraticável e absurdo” o valor imposto pela Justiça. “Mas ele tem muitos amigos e fez um belo trabalho por Campo Grande e MS, por isso vamos ajudar”, evitando falar em quantias de eventual ajuda.

O deputado estadual Paulo Siufi também se considera “um amigo verdadeiro, na alegria e na tristeza”, portanto, está pronto para auxiliar. “Certeza absoluta de que se precisar vou ajudá-lo financeiramente, de acordo com minhas condições como médico”.

“Ele está chateado, mas bem tranquilo e sereno sobre sua situação”, contou o deputado Renato Câmara. Dentro de suas possibilidade, o parlamentar afirma que ajudará. “O grande problema é que tem recurso pra pagar e não pode, mas se tiver essa ação entre amigos, estou disposto a contribuir”.

Lama Asfáltica – Antes das 6h do dia 11 de maio, a Polícia Federal saiu às ruas de Campo Grande e mais cinco cidades para prender três pessoas, levar outras nove para depor e vasculhar 32 endereços em busca de provas contra organização criminosa investigada por desvio de dinheiro público. Foi identificado prejuízo de R$ 150 milhões.

No Estado, naquele dia, equipes comandadas pela força-tarefa cumpriram dois dos três mandados de prisão e um dos alvos, Jodascil da Silva Lopes, foi considerado foragido. Ele se apresentou à PF nesta segunda-feira (15).

Foram presos André Luiz Cance, ex-secretário-adjunto de Estado de Fazenda, e Mirched Jafar Júnior, dono da Gráfica e Editora Alvorada.

Dentre os alvos de mandados de condução coercitiva estavam o ex-governador e o filho dele, André Puccinelli Junior.




Eu e meus congregados não temos recursos financeiros para ajudar o ex-governador. Mas vamos ajudá-los com orações, vamos pedir ao Pai para que ele seja curado e nunca comenta esses delitos, de que está sendo acusado. Amém!
- Pastor Ezequiel e congregados.
 
Ezequiel em 17/05/2017 16:24:12
TUDO COM O RABO PRESO, SE NÃO AJUDAREM CAEM TODOS JUNTOS
 
MANEL em 17/05/2017 15:59:58
Só uma observação.
O deputado Siufi disse que vai ajudar dentro das suas possibilidades como médico.
Com certeza ele então vai ajudar com uma boa contribuição, já que os médicos em sua absoluta maioria são milionários.
 
Critico em 17/05/2017 12:28:04
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions