A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

11/11/2011 18:10

Aécio e Álvaro Dias são esperados para lançamento do PSDB Indígena

Edmir Conceição
O pré-candidato a prefeito do PSDB em Dourados Mauro César (dir.) e Maurício Peralta (pres.) e Wilson Brum (sec) com o deputado Reinaldo Azambuja.O pré-candidato a prefeito do PSDB em Dourados Mauro César (dir.) e Maurício Peralta (pres.) e Wilson Brum (sec) com o deputado Reinaldo Azambuja.

Os senadores Aércio Neves (PSDB-MG) e Álvaro Dias (PSDB-PR) foram convidados pela presidente regional do partido, deputado Reinaldo Azambuja, para o ato de lançamento da ala indígena. Ontem os dirigentes do PSDB de Dourados, ju8nto com Reinaldo, foram recebidos por Álvaro Dias, que confirmou a vinda. Resta a confirmação de Aécio Neves. O pré-candidato tucano à Prefeitura de Dourados, Mauro César, também se reuniu com a cúpula tucana em Brasília, para reforçar o convite ao lançamento do PSDB Indígena, que deve ocorrer no início de janeiro de 2012.

Segundo o presidente da Comissão Executiva Municipal do PSDB de Dourados, Maurício Peralta, a abertura do partido á comunidade indígena era uma ideia de três anos.

Uma pesquisa feita durante três anos pela Associação Atygua, que reúne artesãos e produtores familiares das aldeias Jaguapiru e Bororó, com a participação do filósofo e advogado Márcio Ricardo Benedito, do capitão Vilmar Machado, conhecido como Cachero, além de uma comissão formada por cinco indígenas, indicou a aprovação da comunidade

“Precisávamos, primeiro, conhecer a realidade vivida, as dificuldades enfrentadas, os motivos dos problemas e, a partir daí, ter sugestão dos próprios índios sobre quais mecanismos buscar para combater as dificuldades e problemas identificados. Prevaleceu o pensamento da comunidade indígena de que, através da política partidária, será possível fazer o enfrentamento dos problemas”, diz o pré-candidato a prefeito Mauro César.

O PSDB Indígena já filiou o capitão Vilmar Machado e seu irmão Almires Machado, que será pré-candidato a vereador. “A sociedade precisa ouvir a voz do índio, por isso, acreditamos que através da política, com representantes legítimos das aldeias Jaguapiru e Bororó, será possível dar respostas aos graves problemas identificados nas nossas comunidades”, diz Vilmar.

Marun ainda quer votar relatório da JBS antes de posse no ministério
Na véspera de ser empossado como ministro da Secretaria de Governo, o deputado Carlos Marun (PMDB-MS), relator da Comissão Parlamentar Mista de Inqué...
Senado aprova R$ 1,9 bi a estados para compensar desoneração de exportações
Após suspender a sessão do Congresso Nacional, o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), retomou os trabalhos do plenário da Casa com o obj...
Temer discutirá data de votação da reforma da Previdência nesta quinta
O anúncio do líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), de que a votação da proposta de reforma da Previdência ficará para fevereiro causou r...


agora e so promessas e muita alegria e depois vai mudar alguma coisa pra esses brasileiros esquecidos e inxotados da sociadede como vem acontecendo em toda historia do BRASIL ate hoje?
 
necime l peres em 11/11/2011 06:50:13
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions