A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

01/07/2014 12:43

Aliados rejeitam união e PMDB disputa sozinho vaga na Assembleia

Lidiane Kober
Segundo Eduardo Rocha, ninguém quis ficar com o PMDB (Foto: Arquivo)Segundo Eduardo Rocha, "ninguém quis ficar" com o PMDB (Foto: Arquivo)

Por considerarem “pesada” a chapa de candidatos a deputado estadual do PMDB, partidos aliados rejeitaram união e os peemedebistas vão entrar, pela primeira vez, sozinhos na disputa por cadeira na Assembleia Legislativa. 

“Ninguém quis ficar conosco”, contou o deputado estadual Eduardo Rocha, líder da bancada do PMDB, na Casa de Leis. Segundo ele, os aliados acham “pesada” a chapa do partido, por isso, não vislumbram chance de eleger representantes.

“Vamos lançar 28 candidatos, nossa chapa está redondinha”, destacou Eduardo Rocha, candidato a reeleição. Dos atuais 24 deputados estaduais, seis são peemedebistas, o que confere à legenda a maior bancada na Assembleia.

Nas últimas eleições, o PR era tradicional parceiro do PMDB na corrida por vaga de deputado estadual. Neste ano, o partido optou em caminhar ao lado do PT.

A deputado federal, segundo Rocha, o PMDB deve se unir ao PSB na corrida eleitoral. No total, o partido conta com nove aliados à candidatura de Nelsinho Trad (PMDB) ao Governo do Estado.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions