A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

06/05/2012 12:04

André afirma que não vai mais procurar PSDB para tentar aliança

Ana Paula Carvalho e Paula Maciulevicius
André Puccinelli durante abertura da XXVII edição do Undokai (Foto: Minamar Júnior)André Puccinelli durante abertura da XXVII edição do Undokai (Foto: Minamar Júnior)

“Já fui atrás deles (PSDB) três vezes e agora não vou mais. Se eles quiserem, terão que vir atrás”, foi o que afirmou o governador André Puccinelli durante a abertura do XXVII Undokai sobre a tentativa de fazer uma aliança com o partido, que hoje, é adversário do PMDB nas eleições.

Ainda segundo o governador, o vice do deputado federal Edson Giroto (PMDB) não deve sair antes de junho, mas que pode ser, preferencialmente, do PDT, mas não obrigatoriamente.

Ele explicou, na semana passada, que em junho começa pessoalmente a montar as equipes para estruturar a campanha de Giroto em Campo Grande. Ele revelou que pretende descentralizar várias equipes para poder realizar o trabalho, a ser coordenado por ele.

Para fortalecer a pré-candidatura de Giroto, André já conversou com 18 partidos e vai conversar com mais dez. As conversas devem ser retomadas na segunda-feira. Entre os partidos a serem cortejados pelo governador estão o PRB, PTC, PSL, PMN e PSC.

De acordo com o governador, as pesquisas mostram que com o apoio dele e do prefeito de Campo Grande, Nelsinho Trad, Giroto está bem à frente de Alcides Bernal, pré-candidato pelo PP.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions