A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 19 de Dezembro de 2018

13/03/2012 21:11

André diz que 'vai ao palanque' caso PMDB lance candidato em Dourados

Jeozadaque Garcia e Wendell Reis
Governador seguirá o que diretório municipal do PMDB em Dourados decidir. (Foto: Marlon Ganassin)Governador seguirá o que diretório municipal do PMDB em Dourados decidir. (Foto: Marlon Ganassin)

O governador André Puccineli (PMDB) garantiu nesta terça-feira (13) que apoiará um possível candidato do PMDB em Dourados. O partido apoiou o atual prefeito Murilo Zauith (PSB) nas eleições fora de época em 2011, após as renúncias do então prefeito Ari Artuzi (PMN) e do vice Carlinhos Cantor (PR), presos na operação Uragano, da Polícia Federal.

“Vou fazer pesquisa qualitativa e quantitativa. Pesquisa qualitativa com todos os eventuais atores. Se o diretório decidir, teremos candidato e eu vou ao palanque. Não precisa desrespeitar adversário”, garantiu André.

O PMDB tem hoje três pré-candidatos à prefeitura: os deputados federais Geraldo Resende e Marçal Filho, além da vereadora Délia Rakuz. Zauith, por sua vez, já demonstrou que pretende reeditar a parceria com o PMDB no último pleito, que reuniu outros 14 partidos para a aliança.

Já o PT parece mais alinhado com as pretensões do atual prefeito. O senador Delcídio Amaral (PT) inclusive já declarou que está confiante na manutenção da aliança em outubro.

O apoio a Zauith em Dourados é estratégico para Delcídio, que pretende disputar a sucessão de André no Governo do Estado.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions