ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, SEXTA  23    CAMPO GRANDE 24º

Política

André diz que 'vai ao palanque' caso PMDB lance candidato em Dourados

Jeozadaque Garcia e Wendell Reis | 13/03/2012 21:11
Governador seguirá o que diretório municipal do PMDB em Dourados decidir. (Foto: Marlon Ganassin)
Governador seguirá o que diretório municipal do PMDB em Dourados decidir. (Foto: Marlon Ganassin)

O governador André Puccineli (PMDB) garantiu nesta terça-feira (13) que apoiará um possível candidato do PMDB em Dourados. O partido apoiou o atual prefeito Murilo Zauith (PSB) nas eleições fora de época em 2011, após as renúncias do então prefeito Ari Artuzi (PMN) e do vice Carlinhos Cantor (PR), presos na operação Uragano, da Polícia Federal.

“Vou fazer pesquisa qualitativa e quantitativa. Pesquisa qualitativa com todos os eventuais atores. Se o diretório decidir, teremos candidato e eu vou ao palanque. Não precisa desrespeitar adversário”, garantiu André.

O PMDB tem hoje três pré-candidatos à prefeitura: os deputados federais Geraldo Resende e Marçal Filho, além da vereadora Délia Rakuz. Zauith, por sua vez, já demonstrou que pretende reeditar a parceria com o PMDB no último pleito, que reuniu outros 14 partidos para a aliança.

Já o PT parece mais alinhado com as pretensões do atual prefeito. O senador Delcídio Amaral (PT) inclusive já declarou que está confiante na manutenção da aliança em outubro.

O apoio a Zauith em Dourados é estratégico para Delcídio, que pretende disputar a sucessão de André no Governo do Estado.

Nos siga no Google Notícias