A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

26/08/2013 10:39

Apesar de regime aberto, Raul Freixes está em cela, sem direito a sair de dia

Aline dos Santos
Ex-prefeito foi condenado por corrupção. Ex-prefeito foi condenado por corrupção.

Preso ontem em Campo Grande, Raul Freixes, ex-prefeito de Aquidauana e ex-deputado estadual, permanecerá pelo menos até amanhã no Estabelecimento Penal de Regime Aberto sem direito a sair durante o dia.

O Campo Grande News apurou que só depois de registrada oficialmente a chegada dele, Freixes pode deixar o local de dia para trabalhar e deve retornar à noite para dormir na prisão da Vila Sobrinho. Isso, se a decisão judicial não trouxer ressalvas que o impeçam de sair.

O mandado de prisão contra Freixes foi cumprido na manhã de ontem, quando o ex-prefeito chegava à sua residência, na Capital. O juiz Albino Coimbra Neto, da 2ª Vara de Execução Penal, determinou que a pena seja cumprida em regime aberto.

O ex-prefeito foi condenado a quatro anos e oito meses de prisão, além da inabilitação por cinco anos para o exercício de cargo ou função pública, por desvio de dinheiro enquanto ocupava a prefeitura de Aquidauana.

O Ministério Público moveu ação penal contra o ex-prefeito e outros funcionários da Prefeitura por conta da retirada de R$ 61 mil dos cofres públicos.

Freixes recorreu ao TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), mas o recurso foi negado. De acordo com a assessoria de imprensa da Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário), Raul Freixes está numa cela com outros presos, todos com ordem de prisão no regime aberto.

O ex-gestor municipal tem um histórico de condenações judiciais, que acabaram por comprometer suas pretensões políticas. Em 2008, foi condenado por simular pagamento a uma empreiteira e ter efetuado saque de R$ 100 mil em 2000, nove dias antes de sair da Prefeitura.

Ainda em 2008, Freixes desistiu de ser candidato a vice-prefeito em Aquidauana. Em 2009, foi condenado por contratar advogado sem licitação. Em 2010, teve candidatura barrada pela Justiça.



Imagine os senhores leitores, se todos políticos que desfalcaram os cofres públicos nessa quantia fossem presos e condenados; quantos estariam soltos? É tão fácil ,comparar os bens e saber quem não comprou.
 
luiz alves em 27/08/2013 07:45:49
A justiça tarda mas não falha, até que enfim esse foi preso.
 
Gilmar Marques em 27/08/2013 06:47:23
Isso é o mínimo! Ladrão é ladrão, não tem cor, não tem raça, não tem sexo, roubou? Pague o que deve. Feliz em ver a justiça sendo feita!
 
Gabriel Pereira em 26/08/2013 19:36:30
e ai, quando estava no povo na TV atirou tantas pedras a ermo, e agora sera que ta sentindo as pedradas de volta?
Lembram do jornalista que matou uma criança o que ele falou daquele sujeito!
 
mouracy vitorio de lima em 26/08/2013 18:53:38
começou a ficar boa as coisas por aqui. a algum tempo, só víamos nos noticiários prisões de ladrão de bicicleta, de galinha ou pequenos furto de natureza famélico. hoje já temos um ex prefeito. tomara que o S.T.F. não ceda as pressões do planalto e inocente aquela corja de políticos envolvidos no mensalão.
 
tercio marinho da silva em 26/08/2013 13:48:29
é quem sabe assim eles param de roubar a população
vendo que realmente os politicos vão mesmo pra cadeia

 
milton lopes em 26/08/2013 13:31:11
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions