A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 19 de Março de 2019

25/02/2019 12:51

Após comissões, deputados formam novas frentes em busca de espaço

Deputados criam e retomam frentes parlamentares para trabalhar junto as suas bases eleitorais

Leonardo Rocha
Deputados Renato Câmara (MDB), Márcio Fernandes (MDB), Pedro Kemp (PT), João Henrique Catan (PR) e Jamilson Name (PDT), durante sessão (Foto: Assessoria/ALMS)Deputados Renato Câmara (MDB), Márcio Fernandes (MDB), Pedro Kemp (PT), João Henrique Catan (PR) e Jamilson Name (PDT), durante sessão (Foto: Assessoria/ALMS)

Em um ano sem eleição, os deputados concentram esforços em espaços dentro da Assembleia, para poder trabalhar com sua base eleitoral. Após a eleição da mesa diretora e formação das comissões, eles estão retomando e criando novas frentes parlamentares, para ampliar atuação política.

Já nas primeiras semanas de trabalho foram criadas novas frentes parlamentares, como a da defesa da criança e do adolescente, assim como da defesa das mulheres. Estes grupos de trabalho podem ter mais integrantes do que as comissões, e ainda ter a participação de representantes da sociedade civil.

No caso das crianças e adolescentes, assim como direitos das mulheres, vão participar os deputados Marçal Filho (PSDB), Rinaldo Modesto (PSDB), Paulo Corrêa (PSDB), Zé Teixeira (DEM), Herculano Borges (SD), Jamilson Name (PDT), Capitão Contar (PSL), Gerson Claro, Evander Vendramini (PP) e Antônio Vaz (PRB).

Outras frentes que já existiam na legislatura passada, também vão retornar neste ano, como a de desenvolvimento das unidades de conservação, regularização fundiária, defesa do direito da pessoa idosa e de políticas públicas para assistência social.

“Queremos a reedição dessas frentes para garantir a continuidade dos trabalhos em prol do povo e do Estado de Mato Grosso do Sul”, disse Renato Câmara (MDB), que esteve à frente do grupo de trabalho tanto na defesa do direito do idoso, como na regularização fundiária.

Além de fazer reuniões e atuar junto à base eleitoral, os deputados podem promover audiências públicas, campanhas e até projetos de lei para cada tema, podendo mudar a legislação. Em uma Assembleia com nove deputados novatos e apenas 13 reeleitos, cada um busca seu espaço político no legislativo.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions