A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

15/07/2009 08:30

Após Owari, André diz que deseja que Deus ajude Dourados

Redação

Após a devassa no secretariado de Dourados, feita pela PF (Polícia Federal) na operação Owari, o governador André Puccinelli (PMDB) disse que deseja que Deus ajude o município.

Ele declarou ainda que torce para que o prefeito da cidade, Ari Artuzi (PDT), não esteja envolvido nos crimes que os agentes políticos dele estão sendo acusados.

O governador evitou fazer comentários políticos sobre a situação em Dourados e falou que quer acreditar que a maioria dos agentes políticos não sejam culpados.

André afirmou que o governo vai continuar ajudando o município no que for preciso, como a manutenção do repasse mensal de R$ 973 mil a mais do que o previsto em lei, para a saúde da cidade.

O governador também afirmou que vai continuar com investimentos em infra-estrutura no município, e irá lançar outros.

"Eu não posso ficar alegre com uma situação dessa. Quero crer que a maioria não tenha culpa".

A operação Owari foi deflagrada no fim da semana passada e prendeu diversas pessoas do primeiro escalão de Dourados e Ponta Porã. Vereadores e empresários também foram presos. A maioria já está fora das grades, por decisão judicial.

As declarações do governador foram feitas durante solenidade de abertura da Conferência Estadual da 1ª Conferência Nacional de Segurança Pública.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions