A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 22 de Maio de 2019

19/04/2019 13:00

Após revelar denúncia antes de investigar políticos, MP passa a exigir senha

Aline dos Santos
Fachada do prédio do Ministério Público de Mato Grosso do Sul. (Foto: André Bittar / Arquivo)Fachada do prédio do Ministério Público de Mato Grosso do Sul. (Foto: André Bittar / Arquivo)

Depois de revelar o conteúdo de denúncia contra políticos antes da investigação, o sistema do MP/MS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul) passou a exigir senha para consultar os dados das notícias de fato, ponto de partida para apurar denúncias.

Ontem (dia 18), matéria do Campo Grande News mostrou que as informações estavam disponíveis para consulta, a partir do número das notícias de fatos divulgados na edição de segunda-feira do Diário Oficial do Ministério Público, já disponível na internet.

Seguindo um novo modelo, apurações sobre autoridades, como prefeitos e deputados estaduais, só podem ser abertas com autorização do procurador-geral de Justiça, Paulo Cezar dos Passos.

Desta forma, o procurador delegou a promotores que apurem denúncias sobre prática de nepotismo em Corumbá; e favorecimento em licitação à contratação de parentes e pagamentos em troca de apoio político no município de Figueirão.

Nos dois casos, foi possível verificar a íntegra das acusações. Hoje, a consulta passou a exigir senha. A reportagem entrou em contato com a assessoria de imprensa do MP/MS e aguarda retorno sobre a mudança na tramitação dos procedimentos.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions