A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

22/04/2016 15:49

Assembleia deve dar veredito sobre continuidade de concurso na próxima semana

Michel Faustino
O presidente da Assembleia, deputado estadual Junior Mochi (PMDB). (Foto: Arquivo)O presidente da Assembleia, deputado estadual Junior Mochi (PMDB). (Foto: Arquivo)

O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, deputado Junior Mochi (PMDB), disse que, até a próxima semana, a comissão de licitação deve dar parecer favorável ou não para a empresa melhor qualificada no pregão presencial para realizar o concurso público da casa de leis.

A previsão era de que o edital fosse lançado no dia 10 deste mês, no entanto, em decorrência do processo burocrático, foi protelado, por enquanto, sem previsão. Mochi explica que, está sendo respeitado o prazo legal para que empresa apresente toda a documentação e os respectivos recursos.

Conforme o deputado, caso a empresa vencedora da primeira fase não dê garantias de que poderá prestar o serviço a licitação é julgada fracassa e um novo processo deve ser aberto.

A empresa melhor qualificada foi a Opus Concursos, de Maringa, no Paraná, com uma proposta de R$ 79,9mil. A proposta vencedora corresponde a 12% do valor inicial fixado pela Assembleia, que foi de R$ 662 mil. A segunda melhor oferta foi da Sarmento – R$ 88,5 mil.

“A gente precisa ter bastante cuidado pelo fato do valor estar muito abaixo. Por isso a gente questiona até mesmo se a empresa realmente tem condições de fazer. Mas, temos que aguardar as analises”, comentou.

Caso a empresa seja desclassificada, o parlamentar ressalta que poderá ser adotada a modalidade carta-convite, para garantir celeridade no processo. Para isso, institutos conceituados no país seriam convidados para participar.

Assembleia Legislativa autoriza o primeiro concurso de sua história
A Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul publicou nesta quarta-feira (21) a autorização do primeiro concurso público da história da Casa de Lei...
Tribunal marca julgamento da apelação de Lula para janeiro de 2018
O Tribunal Regional Federal (TRF) da 4ª Região, sediado em Porto Alegre, marcou para 24 de janeiro de 2018 o julgamento da apelação do ex-presidente ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions