A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

05/12/2012 13:35

Assembleia marca para o dia 11 eleição da Mesa Diretora

Paula Vitorino
Junior Mochi, de terno cinza, vai ser mantido na 1ª vice-presidência. (Foto:Vagner Guimarães/Assembleia Legislativa)Junior Mochi, de terno cinza, vai ser mantido na 1ª vice-presidência. (Foto:Vagner Guimarães/Assembleia Legislativa)

Durante a reunião nesta manhã para definir a agenda de fim de ano, os deputados estaduais reafirmaram os nomes que devem ocupar a Mesa Diretora e a data da eleição, que será no dia 11, à tarde.

Como já havia sido anunciado pelo presidente Jerson Domingos (PMDB), os cargos permanecem com os mesmos partidos. A maioria dos nomes também foi mantida.

Do quadro atual, apenas os cargos de 1º e 2º secretário tiveram alteração no nome do ocupante. Paulo Corrêa (PR) sai da 1ª secretaria e quem assume é Antônio Carlos Arroyo (PR). Já no outro cargo a troca será entre Paulo Duarte (PT) e Pedro Kemp (PT).

Um rodízio entre o PMDB para ocupar de 1ª vice-presidência também foi apresentado durante a reunião, mas o consenso de manter Mauricio Picarelli no cargo foi mantido.

A troca seria com o deputado Junior Mochi, que fez a solicitação ao presidente Jerson. “Eu sugeri que houvesse um rodízio, eu fosse para a Mesa e o Picarelli ficasse como líder da bancada”, diz.

O rodízio foi sugerido já de olho no futuro, pensando na eventual saída de Jerson para o TCE (Tribunal de Contas do Estado). Mochi diz que seu nome é cogitado para assumir o cargo de presidência e, por isso, seria conveniente já ocupar o cargo de 1º vice-presidente.

Apesar da divergência entre os deputados peemedebistas, Mochi garante que não houve “rixa” e que o consenso prevaleceu. “Se você está num time e participa às vezes tem que abrir mão de algumas coisas para o bem do grupo”, disse.

Outra troca de nomes que chegou a ser cogitada no cargo da 2ª vice-presidência. Sairia a deputada Dione Hashioka para a entrada de Marcio Monteiro. No entanto, o deputado diz que foi consenso manter Dione no cargo e ele também aprova a decisão.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions