A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 27 de Maio de 2019

16/05/2019 12:30

Câmara autoriza prefeitura a pedir R$ 30 milhões para terminar obras

Entre intervenções, há construção de unidades de saúde, escolas, além de reforma de parques

Mayara Bueno e Fernanda Palheta
Vereadores durante análise de projetos de leis na Câmara Municipal de Campo Grande. (Foto: Izaías Medeiros/Câmara Municipal).Vereadores durante análise de projetos de leis na Câmara Municipal de Campo Grande. (Foto: Izaías Medeiros/Câmara Municipal).

A Câmara Municipal de Campo Grande aprovou em regime de urgência, nesta quinta-feira (dia 16), o pedido de empréstimo de R$ 30 milhões. Foram 24 votos favoráveis e dois contrários - agora a Prefeitura da Capital vai encaminhar o pleito à Caixa Econômica Federal.

Segundo o vereador Eduardo Romero (Rede), Campo Grande tem “saúde financeira” e compromete 16% do orçamento com empréstimos, de um total permitido de 120%. Portanto, trata-se de um pedido “responsável”.

O dinheiro, caso liberado pelo banco público, financiará conclusão de obras e início de outras intervenções, como reformas de parques da cidade. Já o vereador André Salineiro (PSDB), que votou contra o projeto, afirmou que demandas desta natureza precisam ser mais detalhadas por parte do Executivo municipal.

Para onde vai - A prefeitura elenca Parque Ayrton Senna, Jaques da Luz, Sóter, Mata do Jacinto, Elias Gadia, Vila Nasser, Horto Florestal, Estádio de Beisebol, Quadra Esportiva Okinawa e Praça da Juventude como lugares alvo de intervenções que o programa poderá financiar.

Também há previsão de pavimentação e drenagem nos bairros Cidade Morena, Ramez Tebet e Tijuca, cujas obras estão em andamento. “E a requalificação do pavimento asfáltico em diversas vias do município de Campo Grande, a ser executado com recursos do financiamento”.

Na justificativa, o município afirma que possui obras das quais “muitas encontram-se iniciadas, porém, paralisadas por conta da falta de recursos referentes às contrapartidas financeiras”.

O quadro traz risco, inclusive, de haver devolução de recursos já gastos, “acaso não sejam finalizadas”. Entre as obras, conclusão de UBS (Unidade Básica de Saúde) nos Bairros Jardim Perdizes e Santa Emília, e nas unidades de ensino da Vila Paraty e Vila Natália, além de construção, reforma e ampliação de parques, praças e áreas de esporte.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions