A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

26/11/2014 10:43

Campanha petista fica com dívida milionária e tucano contabiliza “lucro”

Edivaldo Bitencourt
Delcídio teve o apoio do ex-presidente Lula, mas não conseguiu vencer a eleição (Foto: Divulgação)Delcídio teve o apoio do ex-presidente Lula, mas não conseguiu vencer a eleição (Foto: Divulgação)

O candidato a governador Delcídio do Amaral (PT) perdeu a eleição e ainda ficou com uma dívida milionária, segundo a prestação de contas apresentada ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Já o candidato do PSDB, Reinaldo Azambuja, além de ganhar a eleição, ficou com uma pequena sobra no caixa.

Reinaldo arrecadou R$ 25.323.019,00 e gastou R$ 25.322.539,29. Neste caso, ele teve um pequeno “lucro”, de R$ 479,71. Ele gastou menos do que o previsto durante a campanha, já que estimou gasto de R$ 35 milhões.

Delcídio arrecadou R$ 24.669.190,50, mas as despesas somaram R$ 26.670.875,28. O saldo ficou negativo em R$ 2.0001.684,79. O petista segue e tendência nacional dos candidatos a governador do partido, que perderam as disputas pelos governos de São Paulo, Rio de Janeiro e Paraná, mas deixaram uma dívida milionária para o PT.

Em Mato Grosso do Sul, Delcídio começou a campanha liderando as arrecadações, conforme as primeiras parciais. No entanto, ao assumir a liderança das pesquisas no segundo turno, Azambuja reverteu a situação, arrecadou mais dinheiro e ainda não fechou com nenhuma dívida pendente.

Temer diz que adiamento da reforma da Previdência foi 'ótimo' para ganhar votos
O presidente Michel Temer procurou mostrar otimismo ao falar sobre a reforma da Previdência ao dar posse ao deputado federal Carlos Marun (PMDB-MS) c...
Diretor da PF entrega ao STF relatório de investigação sobre ministros
O diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segóvia, entregou hoje (15) à ministra Cármen Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), um re...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions