A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

23/07/2014 10:46

Campanha só deve pegar fogo com início do programa eleitoral na TV

Leonardo Rocha
Equipe de Nelsinho planeja usar todas as ferramentas de comunicação desde a internet até os tradicionais comícios (Foto: Arquivo/Marcelo Calazans)Equipe de Nelsinho planeja usar todas as ferramentas de comunicação desde a internet até os tradicionais comícios (Foto: Arquivo/Marcelo Calazans)
Coordenação de Delcídio ressalta que reuniões e eventos já começaram, mas devem se intensificar em agosto (Foto: Arquivo)Coordenação de Delcídio ressalta que reuniões e eventos já começaram, mas devem se intensificar em agosto (Foto: Arquivo)

Os coordenadores dos candidatos ao governo estadual, em Mato Grosso do Sul, afirmaram que a campanha irá “pegar fogo” no início dos programas eleitorais de rádio e TV, que inciiam no dia 19 de agosto em todo país. De acordo com eles, neste período a população começa a acompanhar mais os eventos políticos.

Rodrigo Aquino, coordenador de campanha de Nelsinho Trad (PMDB), ressaltou que quando começa os programas eleitorais, a abrangência das propostas será maior, já que não se consegue nas reuniões e eventos, o alcance gerado nos meios de comunicação. “Sabemos da força do rádio, TV, mídias impressas e digitais”, apontou ele.

Aquino ponderou que Nelsinho não irá desprezar nenhuma ferramenta de comunicação, seja as mídias sociais, ou reuniões, eventos, encontros e até comícios. “Todas estas ações são importantes, precisamos levar nossa campanha para população”.

Marcus Garcia, integrante da coordenação do senador Delcídio do Amaral (PT), ressaltou que neste mês de julho os candidatos aproveitam para fazer as “organizações internas” e que no mês de agosto, a campanha começa a ir para as ruas. “Já estamos em atividade, com eventos e reuniões, porém quando começa o programa (eleitoral) as coisas mudam, todos começam a discutir eleição”.

Para Suel Feranti (PSTU), candidato a vice na chapa com o Professor Monge (PSTU), ponderou que a programação no rádio e TV realmente muda o cenário político, porém adiantou que o seu partido irá continuar com as mesmas ações desde o início do ao. “Sempre estamos conversando com a população, passando nossas propostas, tanto que todos já conhecem a nossa luta pelo trabalhador”.

A equipe do candidato Reinaldo Azambuja (PSDB) ressaltou que a sua militância já está nas ruas e que as atividades devem se intensificar no mês de agosto. “Temos nossos voluntários em atividade, depois no dia 5 de agosto já começamos a contratar os cabos eleitorais, e certamente com os programas na TV, a eleição fica mais efetiva”, afirmou Carlos Assis, coordenador da campanha.

Para Lucien Rezende (PSOL), candidato ao Senado na chapa com Sidney Melo (PSOL), a campanha só irá “engrenar” em agosto, em função dos altos custos para os candidatos. “Os gastos estão exorbitantes, então todos esperam para começar no final de agosto, por isso que defendo o financiamento público de campanha”. 

Entramos em contato com a coordenação de campanha do candidato Evander Vendramini (PP), mas não conseguimos retorno.

Coordenação de Azambuja já tem militância nas ruas e começa a contratar cabos eleitorais no início de agosto (Foto: Arquivo)Coordenação de Azambuja já tem militância nas ruas e começa a contratar cabos eleitorais no início de agosto (Foto: Arquivo)
Equipe de Sidney Mello aponta custos de campanha, para candidatos iniciarem no final de agosto (Foto: Arquivo)Equipe de Sidney Mello aponta custos de campanha, para candidatos iniciarem no final de agosto (Foto: Arquivo)
Temer diz que adiamento da reforma da Previdência foi 'ótimo' para ganhar votos
O presidente Michel Temer procurou mostrar otimismo ao falar sobre a reforma da Previdência ao dar posse ao deputado federal Carlos Marun (PMDB-MS) c...
Diretor da PF entrega ao STF relatório de investigação sobre ministros
O diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segóvia, entregou hoje (15) à ministra Cármen Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), um re...
TRE realiza plantão para cadastramento biométrico neste sábado na Capital
O TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) realiza neste sábado mais um plantão para atender eleitores de Campo Grande que ainda nã...


Vocês acham que alguém vai perder tempo com as mentiras de sempre, e o blá,blá,blá, dos políticos?
Será uma boa maneira de economizar energia elétrica, desligando a TV !
 
henrique luiz mayer nunes em 23/07/2014 16:21:18
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions