A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

20/06/2014 11:19

Carro de som terá limite de volume e eleitores cobram mais fiscalização

Leonardo Rocha e Kleber Clajus
População espera que lei seja cumprida e haja bom senso dos candidatos (Foto: Marcos Ermínio)População espera que lei seja cumprida e haja bom senso dos candidatos (Foto: Marcos Ermínio)

Com as mudanças na legislação eleitoral a circulação de carros de som durante a campanha terá que observar o limite de 80 decibéis, com sete metros de distância do veículo. A população espera que estas regras sejam fiscalizadas e que os candidatos e cabos eleitorais tenham “bom senso” na hora de cumprir a lei.

A diarista Joana D'arc, de 57 anos, ressaltou que o som acaba “perturbando” a população, porém ponderou que se todos cumprirem a lei, os moradores terão “tolerância” com o som, já que a época da eleição é passageira.

Já o aposentado João Sanches, 67, também apontou que estas leis eleitorais precisam ser cumpridas, pois este “barulho” não agrada a maioria. “Eles (políticos) não gostariam que eu fosse na frente de suas casas e ligasse meu som alto”.

A empresária Valdecir Paganotti, 46, espera que haja bom senso tanto dos cabos eleitorais, como dos candidatos e destacou que a fiscalização faria a diferença. “O som da política deve ser suave, a fiscalização não existe, somente a lei, no dia a dia nós vemos esta situação, na campanha será pior”.

Ela também utiliza uma moto com som para promover a sua empresa, mas deixa o som em um volume adequado e não ultrapassa os horários específicos para propaganda.

O mecânico Rodrigo Souza, 27, ponderou que neste período a população precisa se adaptar a eleição, mas não quer que o som alto, logo pela manhã, o acorde durante a campanha.

Regras – A circulação de carros de som além de observar o limite de 80 decibéis, também precisa ter uma potência de no máximo 10.000 watts.

Os carros devem circular das 8h até às 22h e ficam vedados a instalação e uso de alto-falantes em distância inferior a 200 metros de escolas, assim como de hospitais, casas de saúde, bibliotecas públicas, igrejas, teatros e outros estabelecimentos.

Em relação aos comícios que a aparelhagem de som são fixas, o horário compreendido está entre às 8h até 24 horas, com com exceção do comício de encerramento da campanha, que poderá ser prorrogado por mais 2 (duas) horas.



agora vai começar esse inferno de carro de som. Vamos ouvir em alto e bom som. Quer dizer, em péssimo som porque alem de mentirada, a qualidade desses carrinhos de som é de péssima a pior
 
fabiano silva em 20/06/2014 16:50:24
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions