ACOMPANHE-NOS    
MAIO, QUINTA  26    CAMPO GRANDE 21º

Política

Cético, senador reafirma afastamento de Bernal e cobra ação contra isolamento

Por Kleber Clajus | 10/11/2013 15:52
Delcídio nega mais uma vez indicação de Pedro Chaves e já está "cético" quanto a Bernal (Foto: Cleber Gellio)
Delcídio nega mais uma vez indicação de Pedro Chaves e já está "cético" quanto a Bernal (Foto: Cleber Gellio)

Mesmo que o PT se esforce para apoiar a gestão do prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), o senador e pré-candidato ao governo do Estado, Delcídio do Amaral, reafirmou hoje preocupação com o isolamento político que o progressista entrou nos últimos meses.

“Espero tanto a mudança que sou cético. O Bernal não governa sozinho e o pior é ter como pano de fundo a judicialização deste isolamento na Capital. Não sou de forçar a barra e me afastei, mas sou parceiro de Campo Grande”, comentou Delcídio.

Sobre a escolha do suplente, Pedro Chaves (PSC), para integrar o primeiro escalão de Bernal, o senador ressalta que respeita a decisão, mesmo que sua orientação fosse para que Chaves o auxiliasse na construção de um plano de governo e, não para entrar na secretaria de Governo de Campo Grande. Com o reforço, ele também cobra mais ação do progressista.

“Todo mundo torce que o Alcides dê certo. Se não atuar logo, pelo amor de Deus. Campo Grande é tão forte que até desaforo aguenta, mas por um tempo”, relata o parlamentar.

Nos siga no Google Notícias