A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 23 de Outubro de 2019

03/07/2019 21:41

Com o dobro de presos da média nacional, MS pede novas vagas à União

Em Mato Grosso do Sul a media de presos é de 679 por 100 mil, enquanto a média nacional é de 333 presos por 100 mil habitantes.

Adriano Fernandes e Marta Ferreira
Presídio de segurança máxima da Capital, no Jardim Noroeste. (Foto: Arquivo)Presídio de segurança máxima da Capital, no Jardim Noroeste. (Foto: Arquivo)

A ampliação no número de vagas no sistema carcerário de Mato Grosso do Sul foi tema central de reuniões entre o secretário Antonio Carlos Videira, titular da Sejusp (Secretaria do Estado de Justiça e Segurança Pública) e autoridades do Depen (Departamento Penitenciário Nacional), nesta quarta-feira (03).

“Afinal é uma demanda de um Estado que tem percaptamente a maior população carcerária do país. Mais do que o dobro da média nacional”, ressaltou Videira. O secretário ainda avaliou como excelente a receptividade diretor-geral do Departamento, Fabiano Bordignon, a respeito das demandas envolvendo o tema.

“Pedimos atenção especial e celeridade na análise dos projetos de ampliação do número de celas no sistema penitenciário do Estado”, acrescentou.

Em Mato Grosso do Sul a media de presos é de 679 por 100 mil, enquanto a média nacional é de 333 presos por 100 mil habitantes.

Vagas - O Depen estima que, em 2019, serão criadas 22.616 vagas no sistema penitenciário do país, utilizando-se recursos federais e estaduais. São 45 obras em execução nas unidades prisionais dos estados. Foram disponibilizados cerca de R$ 1,1 bilhões do Funpen (Fundo Penitenciário Nacional) para construção, ampliação, aprimoramento e reforma das instalações.

A partir desta quarta-feira (3), o Departamento Penitenciário Nacional coloca para consulta informações sobre o andamento das obras no site do Depen. No primeiro trimestre de 2019 foram abertas 2.841 novas vagas no sistema prisional dos estados de São Paulo, Mato Grosso do Sul, Pará e Santa Catarina. Os investimentos ultrapassam os R$ 172 milhões de reais. Desse total, mais de R$ 70 milhões são de recursos repassados pelo governo federal aos estados via Fundo Penitenciário Nacional.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions