A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

04/08/2013 10:18

CPI da Saúde consegue reunião com ministro e adia viagem a Ponta Porã

Lidiane Kober
Padilha irá receber deputados na terça-feira (Foto: Divulgação)Padilha irá receber deputados na terça-feira (Foto: Divulgação)

Depois de dois cancelamentos, a CPI da Saúde da Assembleia Legislativa conseguiu outra agenda e se reunirá na terça-feira (6) com o ministro da Saúde, Alexandre Padilha (PT-SP). Os deputados vão embarcar na madrugada da terça para Brasília, por isso, decidiram cancelar oitiva, prevista para acontecer na segunda-feira (5), em Ponta Porã.

O plano é confrontar os dados apresentados pela União com as informações recebidas da ex-secretária estadual, Beatriz Dobashi, secretários municipais e administradores dos hospitais, que recebem dinheiro do SUS (Sistema Único de Saúde), principal fonte de recursos das instituições de saúde.

Além disso, a comissão pedirá o relatório de força-tarefa realizada pelo ministério nos Hospitais do Câncer e Universitário, após a Operação Sangue Frio, que desmontou esquema de desvio de verba do SUS em Campo Grande. O encontro com o ministro foi intermediado pelos senadores Waldemir Moka (PMDB) e Delcídio do Amaral (PT).

Após retorno de Brasília, os parlamentares vão definir a nova data da oitiva em Ponta Porã. No município, a CPI vai ouvir o secretário municipal de Saúde e diretor interino do Hospital Regional de Ponta Porã, Eduardo Santos Rodrigues; o ex-secretário municipal de Saúde, Josué da Silva Lopes; a coordenadora do Conselho Municipal de Saúde, Estelita Aparecida Ajala e a ex-coordenadora do Conselho Municipal de Saúde, Nelci Ribeiro de Andrade.

A CPI da Saúde foi criada no dia 23 de maio para investigar a aplicação dos recursos do SUS em hospitais de Campo Grande, Corumbá, Paranaíba, Dourados, Três Lagoas, Jardim, Coxim, Aquidauana, Nova Andradina, Ponta Porã e Naviraí nos últimos cinco anos. A comissão tem 120 dias para apurar as possíveis irregularidades, mas pode ser prorrogada por mais dois meses.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions