A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

26/12/2013 10:08

Decisão da justiça sobre suspensão de processo de cassação divide vereadores

Francisco Júnior e Kleber Clajus

A decisão do desembargador João Batista da Costa Marques que concedeu liminar para suspender o processo de cassação do prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP) dividiu os vereadores.

De acordo com o vereador Delei Pinheiro (PSD), houve questionamento por parte dos parlamentares com relação ao desembargador ter emitido esse parecer dentro do recesso judiciário.

Com relação ao fim da sessão, ele disse que os vereadores precisam voltar ao plenário para que ele seja encerrada, assim como prevê o regimento interno.

O líder do prefeito, vereado Marcos Alex, afirma que como a decisão tem efeito suspensivo, é necessário que cancela essa sessão extraordinária. “Não pode deixar a decisão em aberto uma vez uma que a sessão não pode votar essa pauta de julgamento. Se fizerem isso contraria a decisão da justiça. A sessão prevê o objeto”, explicou.

Os vereadores e assessores aguardam um posicionamento da presidência e da procuradoria da Câmara.



Fica mais uma vez provado, que o rabo preso prevalece .....
Se o Sr. Prefeito não tem "culpa no cartório", não há motivo para ficar derrubando as seções com ações judiciais......
Vamos mudar a frase: DEIXA O HOMEM TRABALHAR !!! ( Deixem os Homens Trabalhar ) e assim mostrar quem é o Sr. Prefeito ......
 
Marcos Reindel em 26/12/2013 10:49:04
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions