A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 19 de Agosto de 2017

03/08/2016 09:22

Demitido em turbulência política, engenheiro volta a chefiar órgão federal

Aline dos Santos
Celso foi demitido em abril e reassumiu cargo nesta quarta-feira. (Foto: Arquivo)Celso foi demitido em abril e reassumiu cargo nesta quarta-feira. (Foto: Arquivo)

Quatro meses depois de perder o cargo, o engenheiro agrônomo Celso de Souza Martins voltou a comandar a SFA (Superintendência Federal de Agricultura) em Mato Grosso do Sul. A nomeação para o posto de superintendente foi publicada nesta quarta-feira (dia 3) no Diário Oficial da União.

“Foi aquela turbulência política pré-processo de impeachment. Fui exonerado para uma nova indicação, que não aconteceu”, afirma Celso, sobre a demissão em abril deste ano. Neste período, o órgão federal foi comandado por Orlando Baez, que era substituto.

Celso nega que sua indicação tem relação com o PMDB. “Tanto da outra vez, como agora, corre essa notícia. Mas a indicação partiu do corpo de funcionários e a bancada federal apoiou. Mas não há compromisso partidário”, diz o superintendente.

Ele conta que tem filiação no PPS, mas está suspensa porque parou com atividade política. Celso é servidor concursado há 11 anos e pretende dar continuidade ao trabalho do antecessor. “A atuação é explicitamente técnica, com continuidade dos trabalhos em andamento”, afirma.

Na semana passada, o governo federal trocou o comando da Delegacia Federal de Desenvolvimento Agrário em Mato Grosso do Sul. O posto foi assumido por Dorival Betini. Ele ocupava o cargo de direção na Casa Civil.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions