A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

03/04/2016 15:37

Depois de quase nove meses, obra do Aquário será retomada nesta segunda

Briga judicial motivou a paralisação; promessa é de conclusão em 14 meses

Mayara Bueno
Aquário do Pantanal, em Campo Grande. (Foto: Aquário)Aquário do Pantanal, em Campo Grande. (Foto: Aquário)

Depois de briga judicial e quase nove meses paralisada, a obra do Aquário do Pantanal será retomada na segunda-feira (4). Nesta segunda, o reinício será marcado por uma sonelidade no canteiro, a partir das 8 horas.

Com a estrutura erguida no Parque das Nações Indígenas, em Campo Grande, a construção estava em fase de conclusão quando começaram os entraves jurídicos até o fechamento da obra.

Responsável pela parte principal da obra, a Egelte se recusou a retomar a obra, já que ela havia sido repassada para a Proteco Construções. Esta empresa, por sua vez, é investigada pelo Ministério Público Federal e Polícia Federal e deixou a construção, depois de recomendação do MPF ao governo de suspensão do contrato.

O governo então convocou novamente a Egelte, que entendeu não ter mais obrigatoriedade na obra. Por parte do Poder Público, o governo estadual entendia que a empreiteira deveria retomar. A briga acabou judicializada, com decisões favoráveis para ambos os lados, até que em 17 de março as duas partes entraram em um consenso, colocando fim no impasse.

Segundo o Executivo Estadual, a empresa vai recuperar tudo que foi danificado durante o período de paralisação, sem ônus para o governo. Já o restante da obra será arcada por meio de aditivos, em valores ainda não levantados até então. Até agora, pelo menos R% 200 milhões já foram investidos no Aquário.

A partir da retomada, as demais empresas prestadoras de serviço serão convocadas novamente para a obra. A previsão é que a construção seja concluída em 14 meses.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions