A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 22 de Setembro de 2017

17/08/2017 12:58

Deputadas defendem cotas para as mulheres no legislativo

Projeto está em tramitação na Câmara dos Deputados

Leonardo Rocha
Deputada Mara Caseiro diz que cota seria primeiro passo (Foto: Victor Chileno/ALMS)Deputada Mara Caseiro diz que cota seria primeiro passo (Foto: Victor Chileno/ALMS)

As deputadas estaduais Mara Caseiro (PSDB) e Antonieta Amorim (PMDB) são favoráveis a PEC (Proposta de Emenda Constitucional) que estabelece cotas de cadeiras para as mulheres, no poder legislativo municipal, estadual e federal. Eles alegam que seria um primeiro passo para que este público tenha mais espaço na política brasileira.

Mara ressaltou que um antigo projeto estabelecia 30% das cadeiras para as mulheres, mas não passou no Congresso Nacional, por isso a nova proposta prevê esta conquista de forma gradual, começando na eleição do ano que vem com 10%, depois na próxima 12% e a seguinte ao patamar 15%.

"Sabemos que ainda é pouco, mas seria o primeiro passo para avançarmos, tendo a devida representação no meio político. Somos hoje 51% do eleitorado, então deveríamos ter ao menos 50% das cadeiras do Parlamento", disse Caseiro.

A deputada ressaltou que existem estados em que não há nenhuma representante feminina na Câmara Federal. "Temos que começar a mudar esta situação em todas as casas legislativas, aqui na Assembleia são 3 deputadas, em um grupo de 24", citou.

Já Antonieta Amorim (PMDB) disse que esta "cota" é extremamente importante para mudar o cenário político, reforçando a participação mulheres. "Elas estão ativas em todas as áreas da sociedade, mas na política ainda são poucas, mesmo sendo maioria no eleitorado, também vemos muitas filiadas, mas na hora da candidatura não tem o devido apoio".

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) divulgou que o Brasil está na 154° posição de representação de mulheres na política, apesar de serem 44% dos filiados nas legendas. O projeto que está em tramitação na Câmara Federal, já foi aprovado no Senado, restando agora a avaliação dos deputados federais.

Fachin libera denúncia sobre Temer para envio à Câmara dos Deputado
O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin liberou hoje (21) o envio à Câmara dos Deputados da segunda denúncia apresentada pelo então...
STF decide enviar denúncia sobre Temer à Câmara Federal
Após dois dias de julgamento, por 10 votos a 1, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (21) pelo envio imediato à Câmara dos Deputados da segu...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions