A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

23/09/2013 12:21

Deputado diz que não há “gente decente” querendo ir para o PSB

Leonardo Rocha
Deputado diz que não houve procura por gente decente ao PSB (Foto: Arquivo)Deputado diz que não houve procura por gente decente ao PSB (Foto: Arquivo)

O deputado estadual Lauro Davi (PSB), afirmou que até o momento não apareceu nenhuma liderança ou candidato “decente” que queira ir para o PSB até o dia 6 de outubro, data final para filiações daqueles que pretendem concorrer à eleição de 2014.

“Não apareceu nenhum candidato decente que viesse a somar com o partido, sou contra trazer outras pessoas que possam sujar a água que até agora está limpa”, destacou ele.

Davi ainda revelou que um possível candidato ao governo estadual em 2014 está “conversando” com o PSB, no entanto ele não é favorável a filiação. “Espero que não venha para cá, nosso partido precisa de pessoas que queriam ajudar o partido e não o contrário”, apontou.

Base – O deputado ressaltou que está responsável por fazer filiações de “base” e não por “articular” a vinda de lideranças de outros partidos, já que esta missão está com o presidente estadual do PSB, o prefeito Murilo Zauith.

“Prefiro ficar na base e trazer gente nova para política, estou visitando os municípios do interior para fazer esta garimpagem”, avaliou.

Majoritária - Davi também avaliou que com a saída do PSB da base da presidente Dilma Rousseff (PT), o governador Eduardo Campos (PSB) deve lançar sua candidatura a presidência da república, e com isto a direção estadual do PSB precisa ter um candidato na majoritária. "Seremos obrigados a disputar a eleição, para que o Campos tenha um palanque aqui em Mato Grosso do Sul".



Esse Deputado acredita que ainda existe "gente decente" na política???? Acorda Alice!!!!
 
alceu silva em 23/09/2013 18:02:42
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions